Os carros mais vendidos de fevereiro por segmento

WM1 traz lista de automóveis que dominaram suas categorias segundo relatório da Fenabrave, associação de concessionárias

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Os carros mais vendidos de fevereiro por segmento
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Todo início de mês a Fenabrave, associação que representa as concessionárias de todo o Brasil, divulga um relatório com os números consolidados de vendas do mês anterior, com os carros mais vendidos e os líderes de cada segmento.

Temos em mãos, portanto, os recém-divulgados dados de fevereiro. Abaixo, apontamos quem foi o líder das cinco principais categorias do mercado nacional de carros: hatches, sedãs, SUVs, picapes e esportivos.

Hatch: Chevrolet Onix

Nada muda há anos e nem vai mudar nessa categoria: o Onix segue sendo o carro mais vendido do Brasil e também, obviamente, o hatchback mais vendido em sua categoria. Em fevereiro foram 17.652 unidades emplacadas.

O 2º colocado no mês passado foi surpreendente: medalhista de prata há muitos anos, o Hyundai HB20 - que não vinha bem após a troca de visual - voltou a figurar na segunda colocação, com 8.402 licenciamentos. Já a terceira posição ficou com o Ford Ka, com 8.183 registros.

Onix Hatch Premier azul de traseira
icon photo
Legenda: Novo Chevrolet Onix hatch estreou em novembro e é o primeiro entre os carros mais vendidos
Crédito: Renan Rodrigues/WM1

Sedã: Chevrolet Onix Plus

O Onix Plus é outro fenômeno: lançado em setembro de 2019, assumiu a liderança da categoria em novembro e segue bombando. Em fevereiro foram 9.123 licenciamentos, fazendo dele, mais uma vez, o segundo carro mais vendido do Brasil - vale registrar que a Fenabrave contabiliza a nova geração e também o antigo Prisma, agora Joy Plus.

Na lista de carros com três-volumes, o segundo colocado foi o Toyota Corolla, que vendeu 4.515 unidades. E o terceiro foi o Ford Ka Sedan, com 3.052 emplacamentos no mês passado.

Chevrolet Onix Plus Premier 2020
icon photo
Legenda: Onix Plus: sedã compacto foi uma das importantes novidades da General Motors em 2019
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

SUV: Volkswagen T-Cross

Quem terminou fevereiro na frente na disputa entre os SUVs foi o Volkswagen T-Cross, que registrou 5.374 vendas. Na segunda colocação e colado no carro da Volks ficou o Jeep Renegade, o primeiro colocado de janeiro, que terminou o mês passado com 5.354 registros, apenas 20 a menos que o rival alemão.

Já o terceiro colocado em fevereiro foi o Nissan Kicks, com 4.955 emplacamentos, seguido de perto pelo Jeep Compass, que teve 4.684 licenciamentos.

Volkswagen T-Cross 250 TSI Highline
icon photo
Legenda: Volkswagen T-Cross foi o SUV mais vendido de fevereiro de 2019, ultrapassando o Renegade
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

Picape: Fiat Strada

Nada diferente, mais uma vez, no segmento em que a FCA (Fiat Chrysler Automóveis) "domina": Strada na frente, com 5.190 emplacamentos; e Toro (4.474 unidades) em segundo, fazendo a dobradinha.

A Strada, inclusive, segue sendo o comercial leve e picape mais vendida do Brasil mesmo às vésperas de mudar de geração, o que deve acontecer até abril.

Já a Volkswagen Saveiro foi a terceira mais vendida no mês passado, com 3.188 licenciamentos, seguida de perto pela Toyota Hilux (ambas inverteram posições de janeiro para fevereiro), que teve 3.125 vendas registradas pela Fenabrave.

Fiat Strada Adventure 2018
icon photo
Legenda: Strada vai mudar este ano, mas mesmo assim segue como a picape mais vendida do país
Crédito: Divulgação

Esportivo: Porsche 911

Quem começou muito bem o ano e seguiu vendendo muito em fevereiro foi o Porsche 911, que teve impressionantes 102 unidades vendidas no mês passado. O segundo colocado, para se ter ideia, foi o Ford Mustang, com 54 emplacamentos.

O terceiro colocado foi o Porsche Boxster, com 45 registros. No acumulado do ano, o 911 lidera com 176 unidades, seguido por Mustang (82) e Boxster (78). Já a sensação do ano passado, o BMW Z4, caiu: vendeu somente 15 unidades em fevereiro (5ª colocação no mês) e ocupa a quarta posição no ranking anual.

É importante destacar que nessa categoria leva-se em conta somente modelos naturalmente "nascidos" esportivos. Não se consideram, por exemplo, versões esportivas de carros que já existem, como BMW M3, Renault Sandero RS ou Audi RS6, entre outros.

Veja o nosso vídeo com o Carrera GTS

Comentários