Venda de carros importados começa estável em 2020

Setor emplacou 2.408 unidades em janeiro, redução de apenas 2,7% em relação a igual período de 2019, segundo a Abeifa

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Venda de carros importados começa estável em 2020
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

As quinze marcas filiadas à Abeifa (Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores) divulgaram nesta quarta-feira (5) o resultado de janeiro. Nas palavras da associação, o resultado foi considerado "quase estável".

Foram de 2.408 licenciamentos de veículos importados no mês passado, queda de 2,7% ante o mesmo mês de 2019, quando foram vendidas 2.475 unidades - o que, segundo o órgão, pode ser considerado praticamente estável.

Na comparação com dezembro de 2019, quando foram comercializadas 3.379 unidades, porém, a queda foi de 28,7%.

Esse número significa um marketshare de 1,3% de todo o mercado automotivo nacional. Já com as 4.931 unidades licenciadas (importados + produção nacional), a participação das associadas à Abeifa foi de 2,68% do mercado total (que em janeiro teve 184.125 unidades).

icon photo
Legenda: Chegada do Kia Rio deve aumentar os números da Abeifa ao longo do ano
Crédito: Divulgação

O que diz o presidente

"O mercado interno total de automóveis e comerciais leves amargou queda de 3,5% em relação a janeiro do ano passado e de 26,9% ante dezembro de 2019. Nós, importadores oficiais, acompanhamos o comportamento de vendas gerais. Não foi um bom mês para ninguém", explica José Luiz Gandini, presidente da Abeifa.

Para Gandini, embora o início de 2020 não tenha sido favorável, a economia brasileira dá sinais de recuperação gradual, o que pode ser um alento ao setor automobilístico.

"Com o dólar acima dos R$ 4,20, não será um bom ano para os importados, porém se a economia reagir e acreditando em um reposicionamento da cotação do dólar, poderemos ter um bom ano", complementa o executivo.

Estas foram as cinco marcas que mais venderam em janeiro: Kia (593 unidades), Volvo (546), BMW (290), Land Rover (263) e Porsche (224).

icon photo
Legenda: BMW prometeu 25 lançamentos para o Brasil em 2020
Crédito: Newspress

Produção local

Entre as associadas à Abeifa que também têm produção nacional, BMW, Caoa Chery, Land Rover e Suzuki fecharam janeiro com 2.523 unidades emplacadas, total que representou alta de 28,1% em relação a janeiro de 2019, quando foram vendidas 1.969 unidades. No entanto, esse número representa queda de 29,6% ante dezembro de 2019.

Separados por marcas, a Caoa Chery, com 1.683 unidades emplacadas, obteve alta de 68,6% ante igual período de janeiro de 2019; a BMW, com 497 unidades, queda de 13,4%; a Land Rover, com 241, retração de 2,4% e a Suzuki, com 102 unidades licenciadas, queda de 32%.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors