Aston Martin revela Valkyrie AMR Pro em Genebra

​V12 híbrido projetado por Adrian Newey promete mais de 1.100 cv

  1. Home
  2. Genebra
  3. Aston Martin revela Valkyrie AMR Pro em Genebra
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Por mais que projetar carros de Fórmula 1 para a Red Bull seja um sonho para engenheiros, eles ainda precisam levar em consideração as regras da competição. Então, quando surge a oportunidade para um deles criar o que quiser, sem restrições, esse é o resultado. A Aston Martin se uniu à Red Bull para “pegar emprestado” o Adrian Newey, gênio que desenvolveu os carros que levaram Sebatian Vettel ao tetracampeonato, para criar seu primeiro hipercarro, o Valkyrie.

Por mais extremo que fosse, ainda precisava atender a algumas regras que o tornariam um carro de rua. Carta branca mesmo só seria possível projetando algo exclusivamente para pistas. Et voilá, eis o Valkyrie AMR Pro. Extrapolando o que foi iniciado com o carro “normal”, Adrian Newey disse no Salão de Genebra: “O Valkyrie de rua tem muita influência do que aprendi durante minha carreira na Fórmula 1. Mas o AMR Pro me permitiu explorar além das restrições para carros de rua, e até mesmo de praticidade”. Ou seja, um sonho para engenheiros.

O veículo possui um motor V12 aspirado (quem não se arrepia ao ler isso hoje em dia?) acoplado a um motor elétrico que, juntos, são capazes de gerar mais de 1.100 cv, podendo passar dos 360 km/h. Sua pressão aerodinâmica deve passar dos 1.000 kg (a velocidade em que isso ocorre não foi especificada), o que, em teoria, permitiria que ele andasse no teto de um túnel, já que seu peso também é 1.000 kg, baixíssimo para um híbrido. E pra extrair o máximo ele, seus donos terão que ter pescoço de Fernando Alonso, já o AMR Pro pode atingir 3G de aceleração lateral em curvas. A única coisa que falta é colocar em prática, não é Aston?

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors