Brawn nega ordens de equipe, mas Barrichello ficou surpreso

Brawn disse que a equipe não esperava fazer uma mudança estratégica para duas paradas a fim de favorecer Button
  1. Home
  2. Salões
  3. Brawn nega ordens de equipe, mas Barrichello ficou surpreso
Autoracing
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Os chefes da Brawn, Nick Fry e Ross Brawn, negaram de maneira veemente as sugestões de que usaram ordens de equipe para dar a vitória a Jenson Button no GP da Espanha.

Quando lhe pediram para responder as sugestões de que a escolha da estratégia foi um truque deliberado para favorecer Button no campeonato, Fry declarou ao site Autosport: "Não. Ambos os lados da garagem estavam disputando".

"Ouvindo o que estava acontecendo, havia uma grande determinação - primeiramente, para Jenson reduzir a diferença, e depois, do lado da garagem de Rubens, uma certa frustração no final por não terem conseguido vencer".

Brawn disse que a equipe não esperava fazer uma mudança estratégica para duas paradas a fim de favorecer Button, e que foram apenas os tempos de volta ruins de Barrichello em seu terceiro trecho que lhe custaram a vitória.

"Se você olhar os tempos de volta com os pneus e o combustível, houve um período da corrida onde ele foi muito mais lento do que o esperado", explicou Brawn. "E foi isso que lhe custou a prova, porque Jenson, com mais combustível, estava mais veloz".

Quando perguntado se estava preocupado com a possibilidade de Barrichello acreditar que ordens de equipe haviam sido utilizadas, Brawn declarou: "Espero que não, porque não estamos fazendo isso. Vocês viram na primeira curva que não existem ordens de equipe. Rubens fez uma ótima largada e passou Jenson. Eu adoraria ver Rubens e seu pessoal vencerem uma corrida porque seria ótimo para a equipe. Ninguém está sendo priorizado".

Falando sobre as razões para a mudança de Button, Fry comentou: "Obviamente, ele tinha menos combustível do que Rubens, e nós assumimos que sairia na frente e abriria uma diferença. Quando isso não ocorreu, foi necessário separá-los".

"Foi algo que discutimos bastante antes da prova. Foi o que havíamos planejado, e acabou sendo a melhor opção. Estávamos um pouco preocupados com Massa e Vettel, com relação a Rubens, e isso diminuiu quando ambos entraram juntos nos pits. Foi uma certa surpresa, pois achamos que Vettel ficaria mais algumas voltas na pista. Não sei se eles fizeram aquilo deliberadamente ou se era o plano".

O piloto Rubens Barrichello disse ter tido a vitória no GP da Espanha em suas mãos, mas acabou revelando ter ficado surpreso com a mudança de estratégia de corrida para Jenson Button, seu companheiro de equipe, na Brawn.

“Assumi a liderança e estava mais rápido que Jenson nas primeiras voltas. Estava mais rápido que ele e tinha mais combustível. Estava muito contente e com a corrida nas minhas mãos. Depois fiquei surpreso quando mudaram a estratégia do Jenson”, declarou o piloto que reclamou de um problema em seu carro após a terceira parada.

“Alguma coisa aconteceu com o carro na parte final, porque o carro piorou depois da minha terceira troca. Fico frustrado por não ter conquistado a vitória, mas feliz pela equipe”, concluiu.

Siga a gente no Twitter! Novidades, segredos e muito mais: www.twitter.com/WebMotors

Gosta de esportivos?

Então veja aqui no WebMotors as melhores ofertas:

Aston Martin

Porsche

Ferrari

Lamborghini

Leia também:

Porsche Targa completa renovação do 911

FortuneSport Rt.S e Rt.R, as estrelas de uma nova marca

Maybach Exelero está à venda por € 5 milhões

D&H Falen, demônio escocês de 800 cv

Nissan Tiida SL

Lobini H1

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors