Carros de corrida chamam a atenção no Anhembi

McLaren do primeiro título de Senna da F1 e 'bólidos' do WEC roubam a cena
  1. Home
  2. São Paulo
  3. Carros de corrida chamam a atenção no Anhembi
Marcelo Monegato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


Além dos automóveis e das musas, os carros de corrida roubam a cena em alguns estandes no Salão do Automóvel de São Paulo, que abre as portas nesta quinta-feira no Pavilhão de Exposições do Anhembi.

O principal ‘bólido’ é o McLaren MP4/4 do primeiro título mundial de Fórmula 1 do piloto brasileiro Ayrton Senna, em 1988. O modelo está exposto no espaço da Honda, fabricante que, na época, era fornecedora do time britânico, sua parceira novamente a partir da temporada de 2015.

IMAGE

No estande da Petrobrás, entre carros de competição de turismo, está o atual Williams-Mercedes do piloto brasileiro Felipe Massa. Já na Renault, os mais antigos vão encontrar o mítico Lotus John Player Special. Apesar de ser um exemplar de 1983, conduzido por Nigel Mansell, mas que está caracterizado com a pintura de 1985, do carro pilotado por Senna.

ENDURANCE

Outros três carros de competição chegam a ofuscar alguns de seus ‘companheiros’ de estande, todos eles participantes do Mundial de Endurance (WEC) – competição que tem em Interlagos uma de suas etapas.

Um deles é o 919 Hybrid, da Porsche. O modelo é equipado com dois motores, um 2.0 de quatro cilindros em ‘V’ turbo de aproximadamente 500 cv e outro elétrico de 250 cv. A transmissão é uma caixa sequencial de sete marchas. E um dos segredos do altíssimo desempenho desta grandalhão de 4,65 metros de comprimento, 1,90 metro de largura e 1,05 de altura é o baixo peso: apenas 870 quilos.

IMAGE

Na Audi está o R18 e-tron quattro.  Assim como o Porsche, este modelo, que tem como um de seus pilotos o brasileiro Lucas di Grassi, tem sistema híbrido de propulsão, com um motor 4.0 V6 turbodiesel de e outro elétrico – potência não é revelada. O câmbio é manual-sequencial de seis velocidades. O modelo também pesa 870 quilos e mede 4,65 metros – regra da categoria.

Por fim, na Toyota está o TS040. Também com sistema híbrido, este japonesa traz motor 3.7 V8 aspirado que junto a um bloco elétrico gera 1000 cv de potência. As dimensões e peso são os mesmos dos concorrentes.

OUTRAS COMPETIÇÕES

Também é possível encontrar carros de outras categorias pelo Salão de São Paulo, como o Stock Car do piloto Átila Abreu, um exemplar da Lancer Cup, categoria de turismo da Mitsubishi. Do mundo off-road encontramos carros com participação no Rali Dakar, mais importante do mundo. 

IMAGE

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors