Classe A Sedan é o destaque da Mercedes em Xangai

Sedã antecipa design dos próximos compactos da marca e teve companhia do novo Classe S

  1. Home
  2. Xangai
  3. Classe A Sedan é o destaque da Mercedes em Xangai
Lukas Kenji
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Dois sedãs antagônicos são os destaques da Mercedes-Benz no Salão de Xangai, China, que abriu as portas para o público nesta sexta-feira (21). Um deles é o facelift do grandalhão Classe S e o outro é o Classe A Sedan, conceito que antecipa os rumos do design da família de compactos da marca.

icon photo
Legenda: Mercedes-Benz Classe A Concept
Crédito: Mercedes-Benz Classe A Concept

A “Estética A”, nome dado para a escultura da carroceria, tenta dar um ar mais jovial para a marca com redução de linhas marcantes no decorrer do carro. A distribuição dos elementos frontais (grade, faróis e o largo para-choque) lembra o superesportivo AMG-GT, enquanto o caimento da traseira e as lanternas remetem ao CLA.

A ideia é que a grade (que tem design chamado de Panamericana) e os faróis esguios passam uma sensação de esportividade em conjunto com a chamativa caixa de rodas de 20 polegadas.

Estas características devem servir de referência para as próximas gerações dos hatches Classe A e Classe B, o crossover GLA, além do sedã CLA e sua variante perua.

icon photo
Legenda: Mercedes-Benz Classe A Concept
Crédito: Mercedes-Benz Classe A Concept

A Mercedes, no entanto, não deu detalhes sobre a motorização do protótipo nem quis entrar em detalhes sobre a viabilidade de lançar o Classe A Sedan, tendo proporções menores do que o CLA e o Classe C – o conceito tem 4,57 metros de comprimento e 1,87 de largura. Se virar realidade, brigará com o Audi A3 Sedan e o BMW Série 1 Sedan.

Novos motores e mais tecnologia

Mas como chinês gosta mesmo de carro grande, a maior parte das atenções estava voltada para o Classe S 2018. O modelo ganhou uma nova linha de motores, agora mais econômicos, mais tecnologias semiautônomas, e será lançado na Europa em julho.

Quando acionado o piloto automático, o sedã agora tem a velocidade de cruzeiro reajustada quando está na iminência de entrar em curvas mais fechadas ou junções de pistas.

Em relação a motores, o Classe S ganhou um propulsor de seis cilindros em linha a diesel. Ele emana 286 cv e 340 cv e é 7% mais econômico que o anterior. Também há um novo V8 de 469 cv para a versão alongada Maybach, além de um 4.0 V8 biturbo, que substitui o 5.5, e desenvolve 612 cv na versão S 63 AMG.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors