GP da Áustria: terceira vitória seguida de Schumacher

Alemão está em 2º no campeonato; Barrichello terminou em 3º
  1. Home
  2. Salões
  3. GP da Áustria: terceira vitória seguida de Schumacher
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- O alemão Michael Schumacher, da Ferrari, venceu domingo 18 o GP da Áustria – sexta etapa do Mundial de Fórmula 1. Esta foi a terceira vitória seguida de Schumacher no ano e sua 67ª na carreira. Antes da Áustria, ele já havia vencido na Espanha e em Ímola. O finlandês Kimi Raikkonen, da McLaren, foi o segundo colocado e Rubens Barrichello, também da Ferrari, o terceiro. Os brasileiros Antonio Pizzonia, da Jaguar e Cristiano da Matta, da Toyota, terminaram a prova em 9º e 10º, respectivamente.

Mesmo vencendo Schumacher permanece em segundo no campeonato, com 38 pontos, 2 atrás de Raikkonen, que tem 40. Barrichello tem 26 pontos e ocupa a terceira posição no campeonato, superando o espanhol Fernando Alonso, que pela primeira vez no ano não pontuou.

Também pontuaram na Áustria: o inglês Jenson Button, da BAR, David Coultard, da McLaren, Ralf Schumacher, Williams o irmão de Michael pontuou em todas as etapas do ano, até agora, Mark Webber, Jaguar, e Jarno Trulli, Renault.

O GP da Áustria teve três largadas – duas delas foram abortadas devido a problemas em alguns dos carros no grid. Com isso, foram dadas duas voltas de apresentação a mais, reduzindo o número de voltas da corrida de 71 para 69.

Michael Schumacher, largando na pole pela 54ª vez na carreira, manteve a ponta na largada. Barrichello conseguiu pular para 4º. Tudo se encaminhava em certa “tranqüilidade” até que Barrichelo parou para reabastecer, perdendo 20 segundos devido a um problema no sistema de abastecimento.

Em seguida foi a vez de Schumacher e então o problema foi maior. Houve um princípio de incêndio na região próxima ao bocal de abastecimento no carro.

O colombiano Juan Pablo Montoya chegou a ocupar a ponta, aproveitando-se dos problemas com a equipe rival, mas o motor BMW de seu Williams estourou e ele teve de abandonar a prova. Raikkonen assumiu a liderança, mas foi logo superado por Schumacher que não teve mais problemas e seguiu tranqüilo para a vitória.

A luta, então, foi travada entre Raikkonen e Barrichello, pelo segundo lugar. O brasileiro, no entanto, não conseguiu superar o finlandês e terminou a prova em terceiro.

A próxima etapa do Mundial de Fórmula 1 será disputada nas ruas do Principado de Mônaco, dia 1º de junho.

Classificação do Campeonato:
1. Kimi Raikkonen – 40 pontos
2. Michael Schumacher – 38
3. Rubens Barrichello – 26
4. Fernando Alonso – 25
5. David Coulthard – 23
6. Ralf Schumacher – 20
7. Juan Pablo Montoya – 15
8. Giancarlo Fisichella – 10
9. Jarno Trulli – 10
10. Jenson Button – 8

Mundial de Construtores
1. Ferrari – 64 pontos
2. McLaren-Mercedes – 63
3. Renault – 35
4. Williams-BMW – 35
5. Jordan – 11
6. BAR-Honda – 11
7. Sauber-Petronas – 8
8. Jaguar-Cosworth – 4
9. Toyota – 3

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors