GP da Espanha: Button, na estratégia, vence em Barcelona

A largada foi bastante movimentada. Na frente, Barrichello "engoliu" Button e Vettel por fora e foi para primeiro
  1. Home
  2. Salões
  3. GP da Espanha: Button, na estratégia, vence em Barcelona
Autoracing
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Jenson Button continua dominando a temporada 2009 da Fórmula 1. Até mesmo quando ele aparenta não estar em um bom dia, ou é superado na largada, ele consegue chegar a uma vitória, e o fato se repetiu neste domingo. O inglês da Brawn venceu o GP da Espanha em 1h37min19s202, ficando a 13 segundos de Rubens Barrichello, o segundo colocado. Mark Webber Red Bull completou o pódio.

Sebastian Vettel Red Bull foi o quarto, seguido de Fernando Alonso Renault e Felipe Massa Ferrari, que recebeu a bandeirada, mas não conseguiu levar seu carro ao parque fechado e existe uma possibilidade de punição para ele. Completaram os oito que pontuaram Nick Heidfeld BMW e Nico Rosberg Williams. Nelsinho Piquet foi o 12º com sua Renault.

A largada em Barcelona foi bastante movimentada. Na frente, Barrichello "engoliu" Button e Vettel por fora e foi para primeiro, com o inglês em segundo e Massa em terceiro. No meio do pelotão, Jarno Trulli Toyota saiu da pista após disputa com uma Williams e foi acertado em cheio pela Force India de Adrian Sutil. Os dois pilotos da Toro Rosso também acabaram envolvidos, e os quatro abandonaram.

O Safety Car foi acionado e permaneceu na pista por cinco voltas. As brigas ficaram mais no pelotão intermediário, com Alonso se arriscando em uma tentativa de ultrapassagem sobre Webber e Hamilton também evoluindo bastante. Entre os líderes, o primeiro a parar nos boxes foi Button, na 18ª volta. Barrichello fez o pit stop na 19ª e Massa e Vettel entraram juntos na passagem seguinte.

Barrichello tinha inicialmente uma tática de três paradas e não a alterou, ao contrário de Button, que decidiu fazer apenas duas. Com isso, o brasileiro teria que andar forte para abrir vantagem, e conseguiu fazer isso no segundo trecho, entre o primeiro e o segundo pit stop, realizado na 31ª volta. A partir daí, Barrichello não conseguiu manter o mesmo ritmo veloz, deixando Button com a faca e o queijo na mão.

Massa e Vettel voltaram a parar juntos nos boxes na 43ª das 66 voltas. No entanto, como a Ferrari consome mais combustível em função do KERS, o brasileiro não colocou gasolina o suficiente para manter o ritmo até o final. Resultado: foi pressionado por Vettel até quatro voltas antes do final, quando foi ultrapassado na Reta dos Boxes. Massa se arrastou pela pista e foi superado também por Alonso, ficando em sexto e muito pressionado por Nick Heidfeld.

Na frente, o duelo pela vitória era restrito à dupla da Brawn GP. Button fez a sua segunda e derradeira parada nos boxes na 48ª volta, deixando Barrichello novamente em primeiro. O brasileiro, sem vantagem suficiente, fez o terceiro pit stop na 50ª volta, sem conseguir mais andar rápido para sonhar com a primeira vitória desde 2004.

Quem evoluiu muito no trecho final foi Mark Webber. O australiano entrou nos boxes para a sua segunda parada junto com Barrichello e saiu na frente de Massa e Vettel, que vinham duelando desde o começo da prova pelo terceiro lugar. Webber pressionou o brasileiro nas voltas finais e os dois receberam a bandeirada muito próximos.

Lá atrás, o fim de semana de Kimi Raikkonen Ferrari acabou de forma melancólica, com seu carro se arrastando na pista e parando antes de conseguir chegar ao box, na 18ª volta. Heikki Kovalainen McLaren foi outro piloto a enfrentar problemas mecânicos, logo na frente de Nelsinho Piquet, que foi ultrapassado nesse instante por Hamilton.

A próxima corrida da Fórmula 1 acontecerá em Mônaco, no próximo dia 24.

Classificação da prova:

Pos Piloto Equipe Distância
1 J. Button Brawn GP 1h37min19s202
2 R. Barrichello Brawn GP a 13s056
3 M. Webber Red Bull a 13s924
4 S. Vettel Red Bull a 18s941
5 F. Alonso Renault a 43s166
6 F. Massa Ferrari a 50s827
7 N. Heidfeld BMW a 52s312
8 N. Rosberg Williams a 1min05s211
9 L. Hamilton McLaren a 1 volta
10 T. Glock Toyota a 1 volta
11 R. Kubica BMW a 1 volta
12 N. Piquet Renault a 1 volta
13 K. Nakajima Williams a 1 volta
14 G. Fisichella Force India a 1 volta
- K. Raikkonen Ferrari a 49 voltas
- H. Kovalainen McLaren a 59 voltas
- J. Trulli Toyota a 66 voltas
- S. Buemi Toro Rosso a 66 voltas
- S. Bourdais Toro Rosso a 66 voltas
- A. Sutil Force India a 66 voltas



Volta mais rápida: Barrichello, 1min22s762.

Siga a gente no Twitter! Novidades, segredos e muito mais: www.twitter.com/WebMotors

Gosta de esportivos?

Então veja aqui no WebMotors as melhores ofertas:

Aston Martin

Porsche

Ferrari

Lamborghini

Leia também:

Porsche Targa completa renovação do 911

FortuneSport Rt.S e Rt.R, as estrelas de uma nova marca

Maybach Exelero está à venda por € 5 milhões

D&H Falen, demônio escocês de 800 cv

Nissan Tiida SL

Lobini H1

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors