Le Mans 2008: Audi mantém hegemonia contra a Peugeot

Paradas inesperadas nos boxes tiraram vitória da francesa, que era a favorita para a edição deste ano
  1. Home
  2. Salões
  3. Le Mans 2008: Audi mantém hegemonia contra a Peugeot
Autoracing
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- A Audi conquistou mais uma vitória nas 24 Horas de Le Mans. Depois de ficar atrás nos treinos livres e classificatórios, a equipe alemã não deu chances para a favorita Peugeot e ganhou a mais tradicional corrida de Endurance do mundo pela oitava vez em nove anos, a quinta consecutiva. Nem a chuva forte que caiu nos momentos finais atrapalhou a definição da prova.

A montadora francesa manteve as três primeiras posições após a largada, com o pole position Pedro Lamy à frente de Franck Montagny e Nicolas Minassian e Allan McNish Audi em quarto. Na terceira hora, problemas distintos afetaram os três carros da Peugeot, então com seus segundos pilotos: Alexander Wurz teve uma falha no câmbio, Christian Klien uma bandeira preta e Jacques Villeneuve um pneu furado, dando a liderança para McNish.

Na quinta hora, a Peugeot recuperou a ponta nos boxes, durante a troca de Villeneuve por Marc Gené. Pouco depois, o carro de Ricardo Zonta/Klien/Montagny já estava em primeiro, até dar uma escapada na oitava hora e devolver a ponta para Gené. A essa altura, o Audi de Rinaldo Capello, Allan McNish e Tom Kristensen estava em segundo.

Na 13ª hora, a prova ganhou contornos mais definitivos, com Rinaldo Capello ultrapassando Jacques Villeneuve e conquistando a liderança que seria mantida até o final, com exceção de alguns momentos durante a parada para troca de pilotos. Nem um susto na parte final, com Kristensen rodando após toque em um retardatário, mudou a sorte da tradicional corrida.

O Peugeot nº7 de Villeneuve/Minassian/Gené chegou na segunda posição, uma volta atrás dos vencedores. O nº9 de Ricardo Zonta, Christian Klien e Franck Montagny terminou em terceiro, três voltas atrasados em relação ao Audi de Capello/McNish/Kristensen, piloto que obteve sua oitava vitória em Le Mans.

Foi um resultado histórico para o Brasil, que não ia ao pódio na prova de longa duração mais famosa do mundo desde 1991, quando Raul Boesel chegou em segundo pilotando um Jaguar. Além deles, o outro piloto do país a chegar entre os três primeiros foi José Carlos Pace, de Ferrari, em 1973, também em segundo. No total, Ricardo Zonta fez quatro trechos da prova e estava no carro no momento mais delicado da corrida, quando começou a chover em Le Mans, por volta das 4h da manhã no horário local. “Estou feliz com o pódio, foi uma corrida difícil, principalmente para lidar com o tráfego no escuro e com chuva”, comentou Ricardo Zonta.

Ele não pilotava em Le Mans desde 1998. Naquela edição da prova, chegou a estar inscrito, mas não correu porque o carro quebrou na terceira hora de corrida. Agora, Ricardo Zonta volta a se concentrar na Grand-Am. No próximo domingo 22, ele disputará a sétima etapa do campeonato em Mid-Ohio, nos Estados Unidos. Em razão deste compromisso, estará ausente da Stock Car em Santa Cruz do Sul RS. Seu substituto será Julio Campos, que liderou e marcou pontos na etapa passada.

Boxes

O que atrapalhou os planos da Peugeot, favorita em Le Mans desde os primeiros testes, foram as paradas inesperadas nos boxes, para solucionar problemas. Neste sentido, o Audi mostrou-se suficientemente mais regular. Para ter uma idéia, o carro que chegou em segundo parou três vezes a mais em relação ao vencedor. O terceiro, cinco vezes a mais.

O Audi de Lucas Luhr, Alexander Premat e Mike Rockenfeller chegou em quarto, seguidos pelo Peugeot de Pedro Lamy, Stephane Sarrazin e Alexander Wurz. Os carros da categoria LMP1 ocuparam as nove primeiras colocações.

Na LMP2, os vencedores foram Jos Verstappen, Van Merksteijn e Jeroen Bleekemolen, com um Porsche Spyder. O grupo holandês teve um duelo bastante acirrado nas primeiras 12 horas com o Team Essex Porsche, que chegaram oito voltas atrasados.

Na GT1, triunfou o Aston Martin de David Brabham, que correu com Darren Turner e Antonio Garcia e levou vantagem sobre os GM Corvette, que ficaram em segundo e em terceiro. Na GT2, a única vitória brasileira, do grupo de Jaime Melo, Mika Salo e Gianmaria Bruni Ferrari F430 GT, que consolidaram uma boa vantagem na metade do trajeto.

Entre os demais brasileiros, além de Zonta e Melo, o único a chegar ao final foi Christian Fittipaldi, 30º no geral. Thomas Erdos e Xandinho Negrão ficaram pelo caminho.

O resultado final da corrida foi o seguinte:

1º Rinaldo Capello/Allan McNish/Tom Kristensen ITA/ESC/DIN, 381 voltas
Audi Sport North America, Audi R10, LM P1

2º Marc Gene/Nicolas Minassian/Jacques Villeneuve ESP/FRA/CAN, a 4min31s094
Team Peugeot Total, Peugeot 908, LM P1

3º Franck Montagny/Ricardo Zonta/Christian Klien FRA/BRA/AUT, a 2 voltas
Peugeot SportTotal, Peugeot 908, LM P1

4º Lucas Luhr/Alexandre Premat/Mike Rockenfeller ALE/FRA/ALE, a 7 voltas
Audi Sport North America, Audi R10, LM P1

5º Pedro Lamy/Stephane Sarrazin/Alexander Wurz POR/FRA/AUT, a 13 voltas
Team Peugeot Total, Peugeot 908, LM P1

6º Frank Biela/Emanuele Pirro/Marco Werner ALE/ITA/ALE, a 14 voltas
Audi Sport North America, Audi R10, LM P1

7º Harold Primat/Christophe Tinseau/Benoit Treluyer CHE/FRA/FRA, a 19 voltas
Pescarolo Sport, Pescarolo Judd, LM P1

8º Laurent Groppi/Soheil Ayari/Loic Duval FRA/FRA/FRA, a 24 voltas
Team Oreca Matmut, Courage-Oreca Judd, LM P1

9º Stefan Mucke/Jan Charouz/Tomas Enge ALE/CHE/CHE, a 27 viktas
Charouz Racing System, Lola Aston Martin, LM P1

10º Peter van Merksteijn/Jos Verstappen/Jeroen Bleekmolen HOL/HOL/HOL, a 27 voltas
Van Merksteijn Motorsport, Porsche RS Spyder, LM P2

11º Vanina Ickx/Stephane Gregoire/João Barbosa BEL/FRA/POR, a 29 voltas
Rollcentre Racing, Pescarolo Judd, LM P1

12º John Nielsen/Casper Elgaard/Sascha Maassen DIN/DIN/ALE, a 34 voltas
Team Essex, Porsche RS Spyder, LM P2

13º David Brabham/Antonio Garcia ING/ESP, a 37 voltas
Aston Martin Racing, Aston Martin DBR9, LM GT1

14º Johnny O’Connell/Jan Magnussen/Ron Fellows EUA/DIN/CAN, a 37 voltas
Corvette Racing, Corvette C6.R, LM GT1

15º Olivier Beretta/Oliver Gavin/Max Papis MON/ING/ITA, a 40 voltas
Corvette Racing, Corvette C6.R, LM GT1

16º Karl Wendlinger/Andrea Piccini/Heinz-Harald Frentzen AUT/ITA/ALE, a 42 voltas
Aston Martin Racing, Aston Martin DBR9, LM GT1

17º Luc Alphand/Jérôme Policand/Guillaume Moreau FRA/FRA/FRA, a 46 voltas
Luc Alphand Aventures, Corvette C6.R, LM GT1

18º Pierre Ragues/Matthieu Lahaye/Cong Fu Cheng FRA/FRA/CHN, a 48 voltas
Saulnier Racing, Pescarolo Judd, LM P2

19º Jaime Melo/Mika Salo/Gianmaria Bruni BRA/FIN/ITA, a 55 voltas
Risi Competizione, Ferrari F 430 GT, LM GT2

20º Miguel Amaral/Olivier Pla/Guy Smith POR/FRA/ING, a 56 voltas
Quifel-ASM Team, Lola AER B05-40, LM P2

21º Patrice Goueslard/Jean Luc Blanchemann/Laurent Pasquali FRA/FRA/FRA, a 56 voltas
Luc Alphand Aventures, Corvette C6.R, LM GT1

22º Matteo Malucelli/Paolo Ruberti/Fabio Babini ITA/ITA/ITA, a 63 voltas
BMS Scuderia Italia Spa, Ferrari F 430 GT, LM GT2

23º Pierre Kaffer/Lars Erik Nielsen ALE/DIN, a 64 voltas
Farnbacher Racing, Ferrari F 430 GT, LM GT2

24º Stuart Hall/Marc Goossens/Johnny Mowlem ING/BEL/ING, a 65 voltas
Creation Autosportif LTD, Creation AIM CA07, LM P1

25º Alain Ferte/Ben Aucott/Stéphane Daoudi FRA/ING/FRA, a 69 voltas
JMB Racing, Ferrari F 430 GT, LM GT2

26º Jacques Nicolet/Richard Hein/Marc Gaffionato FRA/MON/MON, a 70 voltas
Saulnier Racing, Pescarolo Judd, LM P1

27º Alexander Davison/Wolf Henzler/Sen Felbermayr AUS/ALE/AUT, a 72 voltas
Team Felbermayr-Proton, Porsche 991 GT3 RSR, LM GT2

28º Christophe Bouchut/Patrick Bornhauser/David Smet FRA/FRA/MON, a 75 voltas
Larbre Competition, Saleen S7R, LM GT1

29º Juan Barazi/Michael Vergers/Stuart Mosley ING/ING/ING, a 77 voltas
Barazi Epsilon, Zytek 07S, LM P2

30º Christian Fittipaldi/Jos Menten Jr./Terry Borcheller BRA/ALE/EUA, a 79 voltas
Team Modena, Aston Martin DBR9, LM GT1

31º Marc Rostan/Ben Devlin/Paul Thomas FRA/ING/ING, a 84 voltas
Team Bruichladdich Radical, Radical AER SR9, LM P2

32º Jörg Bergmeister/Johannes van Overbeek/Seth Neiman ALE/EUA/EUA, a 92 voltas
Flying Lizard Motorsports, Porsche 991 GT3 RSR, LM GT2

33º Daisuke Ito/Yugi Tachikawa/Tatsuya Kataoka JAP/JAP/JAP, a 109 voltas
Dome Racing Team, Dome Judd S102, LM P1

34º Peter Kox/Roman Rusinov/Mike Hezemans HOL/RUS/HOL, a 115 voltas
Interprogressbank Spartac Racing, Lamborghini Murcielago, LM GT1

35º Yojiro Terada/Kasuho Takahashi/Hiroki Katoh JAP/JAP/JAP, a 157 voltas
Autocon, Creation Judd, LM P1

Gosta de esportivos?

Então veja aqui anúncios de carros de sonho, todos presentes no WebMotors:

Porsche

Ferrari

LamborghiniLeia mais sobre competições:

Danica na F1

F1: Robert Kubica, da BMW, agora quer o título

Ford GT V8

Mecânicos de velocidade

Em alta com a Bia

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors