Le Mans: briga pela pole com Nelsinho na pista

  1. Home
  2. Salões
  3. Le Mans: briga pela pole com Nelsinho na pista
Rodolpho Siqueira
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Começa nesta quarta-feira a briga pela pole position para a famosa prova 24 Horas de Le Mans, que terá largada às 12h00 do sábado horário de Brasília, com chegada no domingo no mesmo horário. Esta corrida anual reúne os melhores pilotos de provas do tipo Endurance resistência de todo o mundo e em 2006 terá a participação especial do brasileiro Nelsinho Piquet, que competirá na categoria GT1. Ao volante de um Aston Martin e tendo como parceiros o australiano David Brabham e o espanhol Antonio Garcia, Piquet deu suas primeiras impressões sobre como é andar nos 13,650 quilômetros da pista:

“Estou habituado a pilotar carros do tipo monoposto e aqui vou andar com um bólido do tipo Turismo”, contou o brasileiro. “Quando dei minhas primeiras voltas na pista, não tinha nenhuma idéia de como é seu longo traçado. Andei bem lento para aprender, mas o que me atrapalhou é a necessidade de ter que ficar olhando constantemente nos retrovisores para não atrapalhar quem vem mais rápido. Isso foi realmente difícil”, comentou Nelsinho.

A dificuldade se deve ao fato de que em Le Mans competem quatro categorias. Duas delas, a LMP1 e a LMP2, são destinadas a protótipos – carros construídos especificamente para competição, e portanto muito mais velozes que os demais. Já a GT1 e a GT2 reúnem carros de grande desempenho esportivo, mas originalmente fabricados para o consumidor “comum” – exemplos do Lamborghini Murciélago, Ferrari 550 Maranello, Aston Martin DBR9 e Corvette C6. Assim, em Le Mans encontrar bólidos mais velozes ou mais lentos é uma constante.

Experiência

O jovem Piquet terá a seu lado o experiente David Brabham, um piloto de 41 anos com passagem pela F-1 e que acabou se especializando em provas de longa duração. “David tem tanta experiência em Le Mans que parece que até pressente quando outros carros se aproximam dele”, comentou Nelsinho. “Espero aprender muito e andar em um ritmo forte”, completou.

Três vezes vencedor em Le Mans, o alemão Frank Biela acredita em uma acirrada briga pela pole position, que deve incluir sua equipe, a Audi. Piloto do modelo R10 TDI da categoria LMP1 a mais veloz do grid, Biela está confiante: “Nosso carro está muito equilibrado. Nos treinos realizados na semana passada, nos concentramos apenas na escolha de pneus e em ganhar quilometragem. Estou muito otimista para a corrida”, comentou o piloto da Audi. No entanto, o melhor tempo dos treinos da semana passada foi estabelecido pelo francês Franck Montagny. Ele utilizou um chassi Pescarolo com motor Judd da equipe Pescarolo Sport, também da categoria LMP1. Montagny foi quase dois segundos mais rápido que o R10 TDI pilotado por Dindo Capello.

Tradicionalmente, as equipes utilizam as tomadas de tempo de quarta e quinta-feira para encontrar um bom acerto para a longa corrida. Essa será então a chance de Piquet se acostumar com o traçado e com o tipo de pilotagem específica para a prova. A programação prevê duas sessões por dia, ambas com duas horas de duração, sendo uma diurna das 2h às 4h da manhã, de Brasília e outra noturna das 22h até a meia noite locais, ou das 17h às 19h de Brasília. “O plano da Audi é usar as primeiras horas para se certificar de que o carro está funcionando bem. Só no final vamos nos preocupar em lutar pela pole”, comentou o experiente Franck Biela.
_______________________________
E-mail: Comente esta matéria

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors