Lista dos 5 de Paris que poderiam ir ao Brasil

Eles não têm planos de viagem ao nosso país, mas seriam muito bem-vindos
  1. Home
  2. Paris
  3. Lista dos 5 de Paris que poderiam ir ao Brasil
Ricardo Sant'Anna
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


O Salão de Paris de 2014 reservou grandes novidades para o Brasil. Land Rover Discovery Sport, novo Passat, Jaguar XE, Jeep Renegade são só alguns dos modelos que serão vendidos no Brasil até o final do próximo ano. Mas nem todos eles estão de malas prontas para o nosso mercado. Boa parte deles, inclusive, jamais deverá desembarcar por aqui, mas bem que poderiam. WebMotors listou 5 carros legais presentes na mostra que seriam muito bem-vindos no Brasil.

Renault Twingo

Lembra do antigo Twingo vendido no Brasil? Esqueça. Dele, só sobrou o espaço compacto. A nova geração do Renault tem visual muito mais atraente e agora traz quatro portas. E ele merece elogios, entre os pequenos franceses citados aqui (você saberá mais sobre C1 e 108 logo abaixo), ele é o mais espaçoso.

O acabamento merece elogios, com direito a painel colorido e tela sensível ao toque nas versões topo de linha. Sob o capô está um motor 1.0 de 3 cilindros e 70 cv de potência. O preço também é bastante convidativo para o mercado europeu. Ele parte de 10.700, algo como R$ 34 mil.

Citroën C1

O simpático carrinho de entrada da Citroën é barato (também tem preço inicial na casa dos 10 mil euros), mas tem refino de carro grande vendido no Brasil. Tem opção de câmbio automático e manual, além de um acabamento interno muito bom. Há opcões de duas e quatro portas, mas o espaço traseiro é inferior ao do Fiat 500. Mas isso não tira o charme do modelo focado em consumidores solteiros na Europa.

Há versões com bancos e painéis coloridos, mas o charme está mesmo no teto solar que se estende por todo teto é do tipo de tecido, como nos carros da década de 50. Sob o capô, o Citroën traz um motor 1.0 de 69 cv de potência. As rodas são de 15 polegadas.

Peugeot 108

Irmão de plataforma (a silhueta não nega) do Citroën C1, o 108 é a versão do compacto co a marca Peugeot. O visual é mais discreto, seguindo o atual padrão de design da marca, presente em modelos como o novo 308 e o crossover 2008. Assim como seu irmão, oferece teto solar de tecido, mas foca em um público mais masculino por ter versão esportiva tanto na configuração de duas, como na de quatro portas.

O motor, porém, rende 82 cv na versão topo de linha do compacto. Segundo a Peugeot, ele acelera de 0 a 100 km/h em 10,9 segundos e a velocidade máxima é e 170 km/h. Ele tem 3,47 m de comprimento e 1,61 m de largura. A altura é de 1,46 m.

Nissan Pulsar

Ele não tem o mesmo refinamento da sétima geração do Golf, mas promete atrapalhar as vendas do hatch médio alemão. O Pulse é o novo hatch médio da Nissan para o mercado europeu. De cara, chama atenção o visual arrojado do hatch, com linha de cintura altura. O acabamento interno é simples e o Nissan oferece um motor 1.2 turbo a gasolina, capaz de gerar 113 cv de potência.

A grande vantagem está no preço convidativo do hatch médio. Enquanto Golf e Focus tem preço inicial na casa de 16 mil euros na Europa, o Nissan chega cerca de 2 mil euros a menos, por 14 mil euros ou algo em torno de R$ 45 mil. Para instigar ainda mais a nossa vontade de tê-lo no Brasil, a Nissan apresentou uma versão Nismo para lá de arrojada, dotada de um motor 1.6 turbo de 275 cv.

Opel Corsa

Se a General Motors tem um concorrente a altura do New Fiesta - ou até melhor do que ele -, este carro não é Onix. É a nova geração do Corsa, vendido como Opel e apresentado pela primeira vez – em sua quarta geração - ao público durante o Salão de Paris. O compacto chama atenção não só pelo visual, mas pelas soluções adotadas em seu interior. As vendas na Europa começam em janeiro, mas os preços ainda não foram revelados.

A grande novidade mecânica fica por conta do novo motor 1.0 turbo de três cilindros (gasolina) apenas que gera, dependendo da configuração, 90 cv ou 140 cv e 17,3 kgf.m de torque. Também estarão disponíveis blocos 1.2 e 1.4 (turbo ou aspirado), ambos a gasolina. O único propulsor à diesel sérum 1.3 de 75 cv ou 95 cv. A transmissão é manual de seis marchas, mas dependendo da versão há uma caixa automática de seis velocidades como opcional.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors