Mercedes-Benz AMG GT rouba a cena em São Paulo

Superesportivo de 510 cv de potência já tem data para chegar: maio de 2015
  1. Home
  2. São Paulo
  3. Mercedes-Benz AMG GT rouba a cena em São Paulo
Marcelo Monegato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


A Mercedes-Benz é candidata a ser a principal atração do Salão do Automóvel de São Paulo, que acontece entre os dias 30 de outubro e 9 de novembro. Enquanto marcas desejadas, como Lamborghini, Ferrari, Bentley, Bugatti, entre outras, viraram as costas para o Brasil, a alemã surpreendeu e trouxe para o Pavilhão de Exposições do Anhembi seu mais novo superesportivo: AMG GT.

Apresentado em setembro ao mundo e protagonista do Salão de Paris, encerrado no meio de outubro, o modelo viajou até o Brasil e já tem data para começar a ser vendido. Como o WebMotors antecipou, o superesportivo desembarca por aqui em maio de 2015. O preço, no entanto, ainda não foi divulgado, mas de acordo com Dirley Dias, gerente sênior de marketing e vendas da marca, o foco é fazer um preço competitivo para bater de frente com o Porsche 911.

Assista ao vídeo do Mercedes-Benz AMG GT no Salão de Paris


A versão exposta no estande alemão é a mais potente, chamada de GT S. Estamos falando de um ‘bólido’ equipado com motor 4.0 V8 biturbo de 510 cv de potência a 6.250 rpm e torque de 66,3 kgf.m entre 1.750 e 4.750 rotações – a transmissão é automatizada de dupla embreagem e sete marchas. Com isso, a aceleração de 0 a 100 km/h acontece em apenas 3,8 segundos e a velocidade máxima é de 310 km/h (limitada eletronicamente).

A opção GT é mais mansa, mas nem tanto. O mesmo propulsor é programado par agerar 462 cv e torque de 61,2 kgf.m – o câmbio é o mesmo. Assim, para chegar aos 100 km/h, o AMG GT leva 4 segundos e a velocidade máxima não supera os 304 km/h (limitada eletronicamente).

MAIS AMG

Mostrando planos ousados para o mercado brasileiro, a AMG, divisão esportiva da Mercedes-Benz, trouxe mais três modelos que merecem destaque. O primeiro deles é o GLA 45 AMG. O crossover ‘encapetado’, apresentado em janeiro no Salão de Detroit, nos Estados Unidos, desembarca agora (R$ 289.000) motor 2.0 de quatro cilindros turbo de 360 cv – é o 2,0 litros mais potente produzido em série. Trata-se do mesmo motor do CLA 45 AMG e do A 45 AMG.

As outras duas atrações são o elegante S 63 AMG Coupé, um dos mais belos carros da Mercedes e que emprestou muito de seu visual – especialmente as linhas da traseira – ao AMG GT. Sua chegada é prevista para o fim do primeiro trimestre de 2015 e o preço deve ser cerca de 5% superior à versão convencional.

E fechando as cartadas da divisão esportiva, o CLS 63 AMG reestilizado deu as caras. E para a alegria de todos – quer dizer, dos endinheirados -, já está à venda por US$ 251.900.

NÃO APENAS OS ‘CAPETAS’

A Mercedes-Benz também guardou boas novidades para quem não busca alto desempenho. Uma delas, mais focada para as famílias, é o C 180 Touring, versão perua do novo Classe C. Este modelo está com o passaporte carimbado para o Brasil e desembarca em novembro por R$ 154.900. A projeção é vender 50 unidades até o final do ano.

Ainda na família C, a C63 AMG de 510 cv foi confirmada para o final do segundo trimestre do de 2015 e a C Coupé para o final do mesmo ano.

SMART

Sem a nova geração do ForTwo nem o inédito ForFour para mostrar ao público brasileiro, a Smart chegou de ForTwo Electric Drive. O modelo não tem planos de chegar por aqui.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors