Hyundai Venue seria uma opção melhor que o HB20X?

Modelo teve 50 mil pedidos em dois meses de lançamento na Índia, mas depende da "melhoria do mercado" para vir ao Brasil

  1. Home
  2. Segredos
  3. Hyundai Venue seria uma opção melhor que o HB20X?
  • Repórter, WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Quando o Hyundai Venue foi apresentando em abril deste ano, a marca disse que dependia da melhoria do mercado brasileiro e da demanda por esse tipo de veículo no nosso país para que ele fosse viável.

Se nos basearmos no sucesso feito na Índia, já podemos considerar a chegada do modelo em algum momento no Brasil. A marca anunciou nesta semana que atingiu 50 mil encomendas apenas dois meses após o lançamento.

Para se ter uma ideia, esse número o coloca como nono veículo mais vendido naquele país, atrás justamente do Creta, que teve o semestre inteiro para vender um pouco mais por lá. E não pense que os mercados sejam tão diferentes em termos de tamanhos.

Apesar do mercado indiano contar com algumas especificidades, como veículos terem limite de 4 metros para pagar menos imposto, em 2018 o comércio de automóveis na Índia fechou o ano com 3,3 milhões de vendas -- contra 2,5 milhões do Brasil. Essa diferença deve ser ainda menor este ano.

icon photo
Legenda: Venue seria rival do Honda WR-V. Motor lá fora é turbo
Crédito: Divulgação

Dentro da linha Hyundai

Entrando na gama Hyundai no Brasil, há um buraco em termos de preços. O HB20X topo de linha atualmente é vendido por R$ 72.600, mas esse valor deverá ser reconsiderado quando o novo modelo modelo for lançado no final do ano -- isso se a marca continuar apostando no aventureiro. Já o Creta, SUV compacto que chegou a liderar o mercado no último ano, parte de R$ 80.990 já na linha 2020.

Além disso, nos últimos anos, houve uma queda na participação de vendas das versões aventureiras, em uma clara consequência dos SUVs compactos. Ainda assim, a média é de 11% no mercado brasileiro em relação às versões convencionais dos hatches compactos, mas chega até 25% no caso do Renault Stepway, por exemplo. Por outro lado, somente o Renault Duster, já datado e prestes a mudar, trabalha na faixa abaixo dos R$ 70 mil.

Nesse cenário, o Venue se encaixaria com perfeição no mercado nacional. A Hyundai poderia abandonar as versões X, que agregam pouco em relação às configurações normais, e apostaria em um veículo com mais jeito de SUV, o que tende a fazer sucesso no mercado nacional. A prova está na Honda, que apesar de cobrar muito pelo WR-V, teve sua expectativa de vendas superada. Somente no último semestre foram 5.771 unidades vendidas, sendo que a marca esperava vender cerca de 700 unidades por mês, ou 4.200 unidades em seis meses.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors