Mini Cooper conversível sobreviverá... na tomada

Nova geração do modelo cabriolet da marca britânica deve chegar apenas em 2025, só que em versão puramente elétrica

  1. Home
  2. Segredos
  3. Mini Cooper conversível sobreviverá... na tomada
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Em tempos em que as montadoras só querem saber de SUVs e crossovers, um alívio para o coração dos apaixonados por conversíveis. O Mini Cooper Cabrio, a versão conversível do modelo, continuará em linha. Porém, tal permanência está condicionada aos novos tempos: a linha seguirá, mas puramente elétrica.

A informação partiu dos nossos parceiros mexicanos do portal Autología. Depois de rumores de que a marca britânica iria abandonar as versões sem teto, o modelo, pelo visto, sobreviverá em uma nova geração, a partir de 2025, só que elétrica.

A garantia de vida veio do próprio chefão do fabricante, Bernd Köber: "O Mini conversível tem uma comunidade de fãs especialmente leais. Portanto, estamos firmemente convencidos do sucesso deste conceito de veículo para o futuro", afirmou.

O mesmo executivo reforçou os planos de manter os modelos cabriolet ao citar como exemplo o mercado alemão. Segundo ele, um em cada cinco Mini vendidos no país é conversível.

Parceria made in China

Mini Cooper Cabrio Sidewalk (7)
Conjunto elétrico vai garantir a sobrevida do Mini conversível em uma próxima geração
Crédito: Divulgação

Mesmo assim, segundo a reportagem do Autología, o Mini conversível seria vendido apenas em opções 100% elétricas. O conjunto de motor e baterias estaria sendo desenvolvido em parceria com a chinesa Great Wall, a mesma que prepara sua chegada ao Brasil.

Comentários