Logo WM1

O canal de notícias da Webmotors

Limpar buscar

Da Oficina: Fiat Punto 1.8 Flex Sporting

Modelo traz uma série de dispositivos eletrônicos, conta com motor bicombustível de origem GM e injeção Magneti Marelli
  1. Home
  2. Tecnologia
  3. Da Oficina: Fiat Punto 1.8 Flex Sporting
Oficina Brasil
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

– Se houve um modelo que balançou o mercado nacional em 2007, podemos dizer que ele foi o Fiat Punto. Lançado no Brasil em agosto do ano passado, o hatch, que se chama Grande Punto na Europa, livrou a montadora italiana da crise pela qual passava no Velho Continente e ainda alçou a marca à liderança entre os hatches “meio-médios”, categoria que inclui ainda modelos como o Volkswagen Polo e o Citroën C3.

Para analisar a fundo a mecânica e os diversos recursos do carro fabricado em Betim, MG, a equipe do Oficina Brasil dissecou a versão top de linha, a Sporting Flex 1.8. Acompanhe a seguir importantes dicas para a manutenção do modelo, que, em breve, estará em sua oficina.

Motor

O sistema de partida a frio deste modelo possui o filtro e a válvula de três vias ao lado do corpo de borboleta, próximos do reservatório. Eles estão bem acessíveis, o que facilita a manutenção. As correias do motor não apresentam dificuldade em caso de troca, pois a localização contribui com a praticidade tanto na desmontagem quanto na montagem.

Algumas características deixam evidente que o motor possui a mesma base dos utilizados em alguns veículos Chevrolet: a válvula termostática que fica ao lado da engrenagem do comando das válvulas, os cabos das velas de ignição e a tampa do cabeçote. Vale lembrar que o acordo feito entre GM e Fiat para compartilhamento das unidades 1.8 já não vale mais. No sedã Linea, derivado do Punto, a fábrica italiana estreará um novo propulsor 1.9 de 130 cv.

Uma das novidades desse veículo está no catalisador: a peça é acoplada ao coletor de gases do escapamento. A sonda lambda está bem visível e com fácil acesso. Um ponto negativo do Fiat é não possuir o protetor de carter. Com isso, na parte inferior uma mangueira do sistema de arrefecimento fica exposta e pode ser danificada. Um protetor frontal na parte inferior do veículo poderia anular a possibilidade de um incidente com facilidade.

Outro ponto que chamou atenção dos consultores foi a tubulação de refrigeração do motor. Ela também serve como um suporte para a tubulação flauta das válvulas injetoras bicos e para o revestimento do motor. Como é tradição nos modelos da Fiat, o Punto é equipado com o sistema Drive By Wire. Já conhecido pela maioria dos reparadores, o acelerador eletrônico proporciona precisão nos sinais elétricos e resposta rápida para o condutor.

Bem protegido, o filtro de combustível está localizado entre a carroceria e a caixa de estepe, contendo uma peça que o resguarda, enquanto a unidade de comando central do motor fica no painel de fogo. Fácil de ser removido, o filtro de óleo pode ser retirado facilmente por baixo do carro. O cânister, responsável por limitar a quantidade de vapores de gasolina liberados no meio ambiente, está localizado atrás do pára-lama traseiro direito.

Câmbio

No caso da troca de embreagem, o reparador precisa deslocar o quadro do motor, pois esse processo lhe dará espaço na hora da remoção do câmbio. O Punto contém o sistema de acionamento da embreagem hidráulico, eliminando a regulagem do pedal e melhorando a condução do veículo após muitos quilômetros rodados.

Suspensão Dianteira

Para maior segurança, o Punto possui reforço em suas bandejas inferiores da suspensão, aumentando a resistência destes componentes. O conjunto do Fiat contribui na condução, pois o veículo possui firmeza em obstáculos e em manobras bruscas. Uma das novidades deste item está no reforço das bandejas inferiores.

Suspensão Traseira

A suspensão traseira com rodas semi-independentes possui eixo de torção. Os amortecedores longos não são problema na hora da troca, pois há bastante espaço em caso de intervenção mecânica destes componentes.

Freios

Com discos ventilados na dianteira e tambores com sapatas autocentrantes na traseira, este modelo providencia precisão na utilização do freio, mesmo sem o sistema ABS, que é opcional.

Impressões ao dirigir

O Fiat Punto é um carro feito para quem gosta de dirigir. Com uma relação de direção bem direta, ele aponta a frente ao menor comando da direção e dá uma sensação gostosa de “pilotagem” para quem está em seu comando. Outros pontos muito positivos são a posição de dirigir e a suspensão do modelo, que assegura um excelente comportamento sem abandonar o conforto.

O ponto negativo fica por conta dos motores. Enquanto o 1.4 de 85 cv com álcool é subdimensionado para o carro e deixa o motorista na mão quando ele precisa de mais potência – em uma ultrapassagem, por exemplo –, o 1.8 de 114 cv é antiquado e gasta muito combustível pela potência que desenvolve. Fora isso, o Fiat trata bem com seus bancos superconfortáveis e ergonômicos e ainda brinda o motorista com um volante de ótima “pegada”.


_________________
Encontre uma oficina de confiança perto de você!

______________________
Busque outras avaliações Da Oficina aqui!

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors