Pneu conceitual da Goodyear tem musgo vivo

Planta usada no componente gera eletricidade e troca CO2 por oxigênio por meio de fotossíntese

  1. Home
  2. Genebra
  3. Pneu conceitual da Goodyear tem musgo vivo
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Não é só de carros que o Salão de Genebra é feito. A edição 2018 de um dos principais eventos automotivos do mundo traz, por exemplo, o pneu conceitual Oxygene, da Goodyear, que chama a atenção por trazer, literalmente, musgo vivo no seu interior.

A ideia é muito original: a planta dentro do pneu gera energia elétrica por meio de fotossíntese e pode acionar luzes coloridas na lateral externa (um arco junto à banda de rodagem e outro no centro do pneu. Essas luzes podem avisar outros motoristas sobre diferentes situações, como fazer uma curva ou acionar os freios.

Para processar esses sinais, o pneu traz sensores e até uma central de gerenciamento eletrônico embutidos, informa a fabricante. Tudo, é claro, é vedado, para evitar o contato com água e umidade.

Além disso, tem a questão ambiental: como o musgo realiza fotossíntese, ele retira o CO2 do ar e o converte em oxigênio. A Goodyear afirma que o "pneu vivo", se equipasse 2,5 milhões de veículos em uma cidade, é capaz de gerar três mil toneladas de oxigênio e absorver quatro mil toneladas de CO2 a cada ano.

Como é de se supor, o pneu não tem ar no seu interior e utiliza borracha reciclada em sua estrutura, portanto não está sujeito a furos.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors