Hyundai Hb20x Diamond4328

Hyundai HB20X se destaca por itens de segurança

Embora seja bom, modelo mais despojado da família HB tem diferenciais banais se comparados ao motor turbo que não dispõe

    • Desempenho
    • Desempenho
    • 17,5/1500 kgfm/rpm
    • Consumo Gasolina
    • Consumo Gasolina
    • Cidade: N/A
      Estrada: N/A
    • Consumo Álcool
    • Consumo Álcool
    • Cidade: N/A
      Estrada: N/A
    • Porta Malas
    • Porta Malas
    • N/A
    • Câmbio
    • Câmbio
    • N/A
9

Overview

Versão aventureira do carro mais vendido da Hyundai tem uma série de equipamentos, mas deve o motor turbo da configuração "civil" e do sedã.


  • + Segurança
  • + Itens de série
  • - Motor aspirado
  • - Visual polêmico
 
  • 0.0 Estrela icone
  • 0.0 de 5 estrelas
  1. Home
  2. Testes
  3. Hyundai HB20X se destaca por itens de segurança
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Fosse humano, o novo Hyundai HB20X certamente precisaria de uma consulta com um psicólogo. A razão está em uma espécie de paradoxo existencial: os poucos diferenciais que o tornam diferente dos demais modelos da linha HB podem ser considerados banais. “Então, por que devo existir?”, indagaria o ressabiado carrinho.

Para responder ao HB20X (e, principalmente, ao interessado em compra-lo), precisamos destacar todos os atributos que ele oferece. A suspensão é 5 cm mais elevada em relação ao HB20 padrão, o que resulta em 21,1 cm de vão livre.

Em outras palavras, isso significa que nosso protagonista tem posição de dirigir mais alta e maior aptidão para vencer buracos e valetas, além de estradas de terra. Para isso, ele conta ainda com pneus de uso misto que calçam caprichadas rodas de liga leve de 16” e acabamento diamantado.

O jogo de rodas combina com o visual permeado por plásticos de recortes ousados ao redor dos para-lamas. Também conferem aspecto de robustez ao carro os elementos em cinza, posicionados nos para-choques, e que funcionam como um extrator.

A estética do hatch é reprodução bem fiel ao conceito SAGA EV, apresentado pela Hyundai no ultimo Salão do Automóvel de São Paulo, realizado em 2018. Se naquele momento, o protótipo nos revelava um HB20 moderno e sofisticado, a versão de produção é vítima de maldizeres sobre sua aparência. E olha que o HB20X, é visto como o exemplar mais aceitável da nova linha HB...

Embora esteja longe de ser unanimidade, o design do compacto aventureiro mostra capricho por parte da Hyundai. Todos os elementos são bem detalhados e carregam acabamento fora do convencional. Talvez, por isso mesmo, causam estranheza.

Nem fomos longe em nossa história e já finalizamos a lista de diferenciais do HB20X. Não é a toa que o coitado tem crises existenciais. “Ora, se o que me difere dos outros HBs não agrada a todo mundo, por que alguém me compraria”, insistiria o pequeno aventureiro.

A falta que o turbo faz

Hyundai Hb20x Diamond4397
icon photo
Legenda: Hyundai Hb20X Diamond peca pela falta do turbo
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

Pior que nem mencionamos o fato de ele ter desvantagem quando o assunto é motor. Só o HB20X não oferece o motor 1.0 turbo que equipe o HB20 e o HB20S. À disposição, somente o famigerado 1.6 flex de 123 / 130 cv a 6.000 rpm, com gasolina e etanol, respectivamente.

É verdade que o aspirado é mais potente do que o turbinado de 120 cv. Mas o propulsor sobrealimentado entrega mais torque e em rotação menor. São 17,5 kgf.m a 1.500 rpm do 1.0, contra 16 / 16,5 kgf.m a 4.500 giros do 1.6. Ou seja, a alternativa turbinada é mais eficiente e econômica.

Mas isso não quer dizer que o velho 1.6 é beberrão. Nada disso, ganhou nota “B” no índice do Inmetro. Na cidade, o desempenho médio é de 11,7 km/l e 8,1 km/l. Na estrada, os números sobem para 13,3 e 9,3 km/l, sempre na ordem gasolina e etanol.

O desempenho também é satisfatório. Há bom relacionamento do motor com o câmbio automático de seis velocidades. As transições de marcha são feitas na hora certa e de maneira silenciosa.

Já o acerto da suspensão poderia ser um pouco mais suave. Como ela é elevada, algumas batidas são secas e incomodam a viagem quando as estradas não são das melhores.

Quem vê cara, não vê interior

Hyundai Hb20x Diamond4332
icon photo
Legenda: Bons materiais são destaques no interior do HB20X
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

Mas se desempenho e design merecem ressalvas, o interior passa de ano com louvor.  Há boa diversidade de materiais, todos com ótimo encaixe e boa qualidade ao toque.

No HB20X, os diferenciais ficam por conta de detalhes em vermelho que coloram as costuras dos revestimentos em couro dos bancos, descansa-braços, coifa do câmbio e volante. Este último merece destaque por ter circunferência menor do que o habitual, o que confere mais prazer ao dirigir.

Há adornos vermelhos ainda nas saídas de ar-condicionado, que é digital, mas não é automático. Outro porém fica por conta do botão para trocar as informações do painel de instrumentos. É a famosa e antiquada canetinha. Uma vez que o carro tem volante multifuncional, as informações do painel poderiam ser acessadas pelos botões, o que traz mais segurança e praticidade para o motorista.

Já a central multimídia só merece elogios. Com 8 polegadas e sensível ao toque, está posicionada próxima ao motorista, é intuitiva e oferece pareamento com os sistemas Android Auto e Apple CarPlay.

Segurança é ponto alto

Hyundai Hb20x Diamond4374
icon photo
Legenda: Controles de tração e estabilidade, assistente de manutenção em faixa, alerta de colisão com sistema de frenagem automática, além de quatro airbag
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

Mas nenhum ponto forte do novo HB20X chega perto dos ganhos que o modelo obteve em segurança. O hatch tem assistente de manutenção em faixa, alerta de colisão com sistema de frenagem automática, além de quatro airbags.

Todos são itens de série na versão testada, a completona Diamond Plus. Ela oferece ainda trio elétrico, chave presencial com partida por botão, piloto automático, coluna de direção com ajuste de altura e profundidade e controles de tração e estabilidade.

Mas como a plataforma não é nova, pouco muda quando o assunto é espaço. Somente o entre-eixos teve ganho considerável, com 3 cm a mais. Agora são 2,53 metros. É espaço suficiente para que passageiros de estatura mediana tenham conforto de sobra na parte traseira. Fica feliz também quem viaja no meio, uma vez que o túnel central é quase plano.

O HB20X é uma boa compra?

icon photo
Legenda: Hyundai Hb20X Diamond se destaca em itens de segurança
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

Diante de tantos predicados, seria forçar a barra dizer que o novo HB20X não tem razão de existir. No país dos hatches aventureiros, o modelo da Hyundai é uma das melhores opções porque valoriza a segurança, tem lista vasta de equipamentos, interior bem acabado e desempenho satisfatório.

Mas os pontos positivos não podem acobertar o fato de que o modelo é boa opção para um perfil bem específico de clientes. Se você valoriza muito um visual despojado, gosta de uma estrada há de terra e uma posição de dirigir que simula um SUV, aí sim vale a pena olhar com carinho para o HB20X.

Mas na ponta do lápis, a melhor alternativa é o HB20 padrão. Isso porque ambos os modelos custam exatamente o preço na versão topo de linha Diamond Plus. Estamos falando de R$ 77.990 – o HB20X parte de R$ 63.990 na versão base com câmbio manual. Mas, enquanto o hatch aventureiro se destaca pelo visual e suspensão elevada, o hatch convencional tem motor mais eficiente e econômico.

 

Ficha Técnica

HYUNDAI - HB20X - 2020
1.6 16V FLEX DIAMOND PLUS AUTOMÁTICO
R$ 77990

Motor / Desempenho / Consumo +

  • Cilindrada (litros)
  • 1.0
  • Cilindrada cm³
  • 998
  • Disposição dos cilindros
  • Linha
  • Número de cilindros
  • 3
  • Taxa de compressão
  • 10,5
  • Número de válvulas por cilindro
  • 4
  • Número de válvulas (comercial)
  • 12V
  • Comando de Válvulas
  • DOHC
  • Comando de válvulas variável
  • Sim
  • Combustível (comercial)
  • Flex
  • Combustível secundário
  • Gasolina
  • Alimentação
  • Turbo
  • Potência (cv/rpm)
  • 120/6000
  • Torque (kgfm/rpm)
  • 17,5/1500
  • Potência secundária (cv/rpm)
  • 120/6000
  • Torque secundário (kgfm/rpm)
  • 17,5/1500

Transmissão +

  • Transmissão
  • Automática
  • Número de marchas
  • 6
  • Localização do câmbio
  • Assoalho
  • Tração
  • Dianteira

Freios / Suspensão / Direção +

  • Freios dianteiros
  • Disco ventilado
  • Freios traseiros
  • Tambor
  • Freio de estacionamento
  • Manual
  • Suspensão - Dianteira
  • McPherson
  • Suspensão - Molas dianteiras
  • Helicoidal
  • Suspensão - Traseira
  • Eixo de torção
  • Suspensão - Molas traseiras
  • Helicoidal
  • Direção - Assistência
  • Elétrica
  • Direção - Ajustes
  • Altura e profundidade

Dimensões e Capacidades +

  • Comprimento (mm)
  • 4260
  • Largura (mm)
  • 1720
  • Altura (mm)
  • 1470
  • Entre-eixos (mm)
  • 2530
  • Carga útil (kg)
  • 420

Tecnologia / Conectividade +

  • Sistema de áudio - Tipo
  • Multifunções
  • Sistema de áudio - Nomenclatura (comercial)
  • blueMedia
  • USB
  • Sim
  • AUX-in
  • Sim
  • Bluetooth
  • Função Streaming
  • Tela de entretenimento - Tamanho da tela (pol.)
  • 7"
  • Tela de entretenimento - Sensível ao toque
  • Sim
  • Tela de entretenimento - Espelhamento com smartphone
  • Apple CarPlay + Google Android Auto
  • Tela de entretenimento - Navegação (GPS)
  • Via espelhamento (smartphone)
  • Tela de entretenimento - TV digital
  • Sim
  • Controle de áudio
  • No volante
  • Alto-falantes - Quantidade
  • 4

Rodas e Pneus +

  • Tipo de roda - Tipo de roda
  • Liga leve
  • Tipo de roda - Calotas
  • Integrais
  • Dianteira - Aro (pol.)
  • 15
  • Dianteira - Pneus (largura/perfil/aro)
  • 185/60
  • Traseira - Aro (pol.)
  • 15
  • Traseira - Pneus (largura/perfil)
  • 185/60
  • Estepe
  • Space saver

Garantia +

  • Garantia total do veículo - Duração (meses)
  • 60
  • Garantia de motor e transmissão - Duração (meses)
  • 60
  • No Bolso8.9
  • Tecnologia9.5
  • Vida a bordo9.2
  • Desempenho9.0
  • Opinião do repórter8.3
  • + Segurança
  • + Itens de série
  • - Motor aspirado
  • - Visual polêmico
 
9

  • Lukas Kenji
  • Quando deixa um pouco de lado a carreira brilhante como piloto de Gran Turismo e Fórmula 1 (no Playstation), faz cobertura diária do setor automobilístico. Muscles cars e clássicos dos anos 1990 são as máquinas prediletas.
Compartilhar
0
Comentários