Teste: Fiat Uno 1.4 Attractive com duas portas é questão de estilo

Com R$ 29,84 mil você compra um Uno 1.4 na versão duas portas. Acrescentando R$ 1,83 mil você pode levar a opção de quatro portas.


  1. Home
  2. Testes
  3. Teste: Fiat Uno 1.4 Attractive com duas portas é questão de estilo
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- O WebMotors esteve no lançamento mundial do novo Uno e afirmou: “Espartano, mas com estilo, o novo Uno chega com a herança nominal de um grande campeão de vendas”. Pois é, o velho Uno ainda representa 40% do volume de vendas do novo Uno. Ou seja, dos 22 mil compactos de entrada da Fiat comercializados, 8,8 mil são Mille.

Hoje, você tem a possibilidade de comprar 10 opções, entre motor e carroceria do novo Uno. Uma injeção de adrenalina da Fiat para tornar o mix de venda cada vez menor para o Mille. O WebMotors avaliou o Uno na carroceria duas portas por uma semana. A ideia foi apreciar o que mudou e se vale levar o modelo nesta opção para casa. Será que vale?

O valor sugerido para o modelo 1,0L na versão duas portas é de R$ 26,65 mil. Na opção testada, 1,4L Attractive, o preço indicado é de R$29,84 mil. Tanto na versão equipada com motor 1,0L como na equipada com propulsor 1,4L a diferença de valor para as portas é de R$ 1,83, custando cada porta R$ 915.

A conta é bem simples, até o momento em que você se depara com a seguinte dúvida: levo mais motor ou mais porta? Por exemplo: o Uno 1,0L quatro portas custa R$ 28,48 mil, se você acrescentar R$ 1,36 mil a compra acaba levando um Uno 1,4L de duas portas. Ou seja, as duas portas acrescentadas àquele “milzinho” poderiam significar um leve up de motor.

Outros exemplos: Com o mesmo valor das duas portas “sobressalentes” R$ 1,83 mil você pode acrescentar ao seu modelo de duas portas uma cor metálica que custa R$ 1,04 mil, sobrando ainda um pouquinho. Outra opção com a grana das portas está em um quase meio ar-condicionado, que tem um valor sugerido de R$ 3,03 mil. Se você não estiver satisfeito com o ar, ainda dá para levar com quase o mesmo valor das portas “extras” a direção hidráulica, que tem um valor indicado de R$ 2,04 mil. Outras coisas aplicadas neste modelo avaliado como o kit visual R$ 190 e a fonte do som R$ 347 são bem mais em conta.

A ideia do exercício é mostrar que a versão duas portas só é um bom negócio se realmente você não acessa ou usa o banco traseiro. Se você estiver buscando motor ou outros equipamentos, vale abrir mão da versão quatro portas. No rodapé desta avaliação você terá outros argumentos que lhe ajudarão na comprar do Fiat Uno, como a ficha técnica e o vídeo de lançamento do carro.

Primeiro dia - Retirar o Fiat Uno para avaliação é sempre curioso. Raramente nos atentamos as tonalidades e aos kits que nele estão embutidos. No caso deste, o Attractive 1.4, ele veio equipado com tudo que existe nele. Um completão! Em um breve exercício de Monte Seu Carro, no site da Fiat, chegamos ao valor irrisório de R$ 38 mil. Tudo bem que a ideia dos automóveis de frota é mostrar tudo que o modelo pode ter. Porém quando avaliamos, sabemos que dificilmente encontraremos na praça um equipadão assim. Algo que incomoda no novo Uno é a visibilidade, prejudicada pelas colunas A e C. A letra “A” aparece nas tangencias das curvas e a “C” na hora que você vai mudar de faixa. Um martírio que dá para driblar com um bom ajuste do retrovisor. No primeiro dia o percurso foi urbano por uma distância de 40 km. No trajeto o Uno se comportou bem e não apresentou surpresas.

Segundo dia - Ao contrário do que eu imaginei o Uno pegou de primeira. Ele dormiu em um estacionamento privativo, mas aberto no centro de São Paulo na noite mais fria do ano. Se titubear, ele saiu e ingressou no trânsito matinal e seguiu a sede do WebMotors. Durante o trajeto tive de ficar mais atento do que o normal com as mudanças de faixa. Outro detalhe notado no segundo dia é que apesar da construção espartana, o Uno evoluiu se comparado com os primeiros modelos, apresentados no seu lançamento. Percebe-se que o popular se acertou com os fornecedores e que as peças estão mais bem encaixadas. A robustez é nítida, principalmente nas ruas irregulares de São Paulo. A primeira média apontada foi de 7,6 km/l de álcool no circuito urbano, um total de 150 km rodados sem o ar-condicionado ligado.

Terceiro dia - Fizemos a produção do vídeo sobre o Guia de Compra do novo Uno. Animal! Rolou tudo muito, em breve ela será divulgada aqui.
Quarto dia - Tiramos este belo dia para produzir as fotos autor: Mario Villaescusa do modelo de marca italiana. Também conseguimos tirar uma segunda média urbana com o álcool, 8 km/l.

Quinto dia - Levamos o Fiat Uno para tomar um banho e para rodar no centro de São Paulo. Queríamos ter um ideia de quanto davam na rua pelo modelo. Os chamados de oportunistas ofereceram no nosso suposto Uno R$ 23 mil.

Sexto dia - O Fiat Uno foi passear em Campinas, na cidade que é conhecida como a terra das andorinhas e de Carlos Gomes. Cerca de 100 km da capital, fizemos uma média rodoviária de tanque a tanque entre as duas cidades. Média rodoviária para ir ao interior, 10,4 km/l. Média de estrada para voltar à capital, 9,4 km/l. Nas duas situações o ar-condicionado estava desligado e a rotação estava dentro de 2.000 e 2.500 rpm.

Movimentação do banco Se movimentar o banco nos primeiros Uno já era ruim, no novo a mesma situação ficou um pouco melhor. A diferença no novo é que basta você girar a alavanca para que o conjunto inteiro vá à frente. O problema é que a volta não é tão fácil assim. Na volta o motorista é obrigado a posicionar novamente o encosto do banco, que foi modificado na ação de abertura. Outro detalhe que incomodou o WebMotors foi um grilo no trilho do banco. Não ouve martelo que o matasse. O mesmo problema é encontrado nos modelo da linha Celta, aquele eterno enheque-enheque quando o carro passa por saliências no asfalto. Chegamos a parar na concessionária da Fiat, o vendedor nos indicou uma lubrificação mais reforçada na hora da revisão.

Rodas

Dianteiras e traseiras em aro 15” opcional de liga-leve

Pneus

Dianteiros e traseiros 185/60 R15

Comprimento

3,77 m

Altura

1,48 m

Largura

1,67 m

Entre-eixos

2,37 m

Porta-malas

280 l

Peso em ordem de marcha

944 Kg 2 portas / 955 Kg 4 portas

Tanque

48 l

Suspensão

Dianteira independente, tipo McPherson; traseira semi-dependente, tipo barra de torção

Freios

Disco ventilado na dianteira e tambor na traseira

Preço

R$ 29,84 mil



Gosta de hatches?

Então veja aqui no WebMotors as melhores ofertas para este segmento:

Ford Fusion

Chevrolet Malibu

Toyota Corolla

Honda Civic

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors