Mercedes GLC branco em movimento de frente em estrada de terra

Teste: Mercedes GLC é melhor que Q5, X3 e XC60?

SUV médio tem o conforto e requinte que se espera de um modelo da marca. Veja como ele se saiu em nosso teste

    • Desempenho
    • Desempenho
    • 40,8/1600 kgfm/rpm
    • Consumo Gasolina
    • Consumo Gasolina
    • Cidade: 12 km/litro
      Estrada: 15,2 km/litro
    • Consumo Álcool
    • Consumo Álcool
    • Cidade: N/A
      Estrada: N/A
    • Porta Malas
    • Porta Malas
    • 550 litros
    • Câmbio
    • Câmbio
    • N/A
8.6

Overview

SUV médio sucessor do antigo GLK, feito sobre a base do sedã da Classe C, tem motor turbodiesel e bons consumo de combustível e espaço interno.


  • + Motor eficiente e econômico
  • + Câmbio rápido e inteligente
  • + Espaço interno
  • + Tecnologia a bordo
  • - Preço
  • - Manopla de câmbio mal-posicionada
 
  1. Home
  2. Testes
  3. Teste: Mercedes GLC é melhor que Q5, X3 e XC60?
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

No teste de hoje vamos falar sobre o Mercedes-Benz GLC 220d (diesel), à venda no Brasil desde o ano fim de 2019 em duas versões de acabamento: uma de entrada, de R$ 294.900, e uma mais cara, que foi a escolhida e utilizada para essa avaliação, de R$ 329.900.

Há, ainda, uma versão preparada pela AMG e com motor a gasolina, vendida a R$ 425.900.

Visual renovado

Aqui precisamos destacar que o novo Mercedes GLC não mudou de geração, mas passou por uma reestilização mais pontual para ficar parecido com a nova linha de design adotada pela Classe C, gama de carros médios da Mercedes.

A dianteira é mais bonitona e imponente, com detalhes cromados espalhados nos pára-choques e na grade e um belo farol full-LED, que concentra todas as necessidades de iluminação do SUV e até "aposenta" os faróis de neblina.

Já a traseira também mudou e ficou mais próxima do que vemos nos sedãs "acupezados" da marca, mas a lanterna, também de LED, tem um desenho menos harmônico que os faróis. Em suma, é um legítimo SUV.

icon photo
Legenda: Mercedes GLC recebeu um facelift de meio de vida no fim de 2019
Crédito: Divulgação

Motor e câmbio

Por baixo do capô, o Mercedes GLC 220d utiliza motor 2.0 turbodiesel de quatro cilindros com 194 cv (a 3.800 rpm) e bons 39 kgf.m de torque (a partir das 1.500 rotações). Sempre comandado por uma excelente caixa de câmbio automática de nove marchas.

O câmbio pode ser bem rápido, mas também é muito eficiente. A tração é nas quatro rodas, como diz o sobrenome "4Matic".

Na estrada, onde predominantemente rolou nosso teste, pudemos perceber que o GLC é realmente poderoso em termos de arrancadas e retomadas de velocidade graças ao ótimo conjunto mecânico.

E, além disso, ele também é econômico: rodamos quase 400 km com meio tanque, que tem 66 litros. Ou seja, 400 km para algo próximo de 33 litros, o que dá uma média de 12 km/litro.

Mesmo assim, precisamos destacar que seu comportamento é mais pacato e voltado ao conforto, e não o de um esportivo - para esse tipo de perfil recomendamos a versão AMG do GLC, que passa dos R$ 400 mil. Só que, ainda assim, ele também não vai mal quando exigido de forma mais nervosa.

icon photo
Legenda: Mercedes GLC só tem motor a diesel na variante SUV e custa entre R$ 295 mil e R$ 330 mil
Crédito: Divulgação

Carro de família?

Sem dúvidas que sim, já que o Mercedes-Benz GLC 220d atende a famílias com até dois filhos, pois oferece bom espaço interno e porta-malas considerável de 550 litros.

O espaço traseiro, por sinal, é muito bom para duas pessoas adultas, já que os bancos dianteiros são até côncavos para melhorar a área dos joelhos de quem vai atrás. Um terceiro ocupante vai com certo aperto por causa do assoalho central, que tem um belo degrau de sobressalto.

Sofisticado e luxuoso

Por dentro há também escolha de ótimos materiais, bom nível de acabamento e luxo percebido para um carro de mais de R$ 300 mil. Mas a principal novidade tecnológica do SUV é a central multimídia MBUX de 10,2 polegadas, com respostas inteligentes a comandos de voz.

Na prática, você consegue controlar todo o sistema do carro pelo volante ou pela própria voz, desde que o sistema de inteligência artificial da Mercedes consiga te entender.

Dá, por exemplo, para pedir ao dispositivo para abrir ou fechar os vidros, alterar a estação do rádio, fazer ligações, aumentar ou diminuir o volume ou ainda manusear a temperatura do ar-condicionado.

Tem mais: o novo GLC também vem com quadro de instrumentos digital configurável de 12 polegadas e um carregador de celular sem fio, algo extremamente útil nos dias de hoje. Podia ter um roteador de internet wi-fi como já existe em Cruze, Tracker, Onix e Onix Plus, mas esse tipo de tecnologia ainda não chegou ao GLC, infelizmente.

Na parte semi-autônoma, ele dispõe do "Lane Tracking", um sistema de monitoramento de faixa com alerta e interferência ativa no volante. Tem, por fim, frenagem de emergência ativa, sensor de ponto cego e controle de cruzeiro adaptativo - que freia e acelera o carro de acordo com o veículo à frente.

icon photo
Legenda: Interior é luxuoso e recheado de itens de tecnologia; versão mais cara tem carregador de celular sem fio
Crédito: Divulgação

Pontos negativos

Tem coisas que jogam contra, também, além do preço. Embora seja questão de costume, o câmbio na coluna de direção, onde normalmente fica a chave para comandos do limpador de para-brisa, é uma dessas coisas.

Demora para você se acostumar e pode acontecer, por exemplo, de você colocar o câmbio em "N" no meio da estrada se por acaso começar a chover.

O mousepad do console também exige praticamente o mesmo tipo de adaptação. E não há internet no carro que não seja a do celular dos ocupantes, como dissemos.

Outra coisa não muito legal é o revestimento de plástico do painel das portas e do console que imita madeira. Não é mal-feito, mas não combina com a proposta de um carro que custa R$ 329.900, né?

Conclusão

Afinal, vale a pena levar para casa? Como dissemos no vídeo acima, se você for um fã da marca e procura um carro dessa categoria, preço e porte, você estará assinando o cheque de um produto excelente.

Mas o Mercedes GLC é bem mais caro que seus rivais diretos, portanto, respondendo à pergunta do título, talvez valha à pena conhecer os rivais Audi Q5, BMW X3, Volvo XC60, Jaguar F-Pace e os Land Rover Evoque e Discovery Sport.

Ancora: Conclusão Score

Ficha Técnica

MERCEDES-BENZ - GLC 220D - 2020
2.0 TURBO DIESEL ENDURO 9G-TRONIC
R$ 412900

Motor / Desempenho / Consumo +

  • Cilindrada (litros)
  • 2.0
  • Cilindrada cm³
  • 1950
  • Disposição dos cilindros
  • Linha
  • Número de cilindros
  • 4
  • Taxa de compressão
  • 15,5:1
  • Número de válvulas por cilindro
  • 4
  • Comando de Válvulas
  • DOHC
  • Comando de válvulas variável
  • Sim
  • Combustível (comercial)
  • Diesel
  • Alimentação
  • Turbo
  • Intercooler
  • Sim
  • Start-Stop
  • Sim
  • Potência (cv/rpm)
  • 194/3800
  • Torque (kgfm/rpm)
  • 40,8/1600
  • Velocidade máxima (km/hora)
  • 215
  • Aceleração 0-100 km/h (segundos)
  • 7,9
  • Consumo cidade (km/litro) - Combustível 1
  • 12
  • Consumo estrada (km/litro) - Combustível 1
  • 15,2
  • Fonte consumo
  • INMETRO

Transmissão +

  • Transmissão
  • Automatizada DCT
  • Número de marchas
  • 9
  • Localização do câmbio
  • Assoalho
  • Modo manual (p/ AT)
  • Sim
  • Tração
  • Integral permanente

Freios / Suspensão / Direção +

  • Freios dianteiros
  • Disco ventilado
  • Freios traseiros
  • Disco ventilado
  • Freio de estacionamento
  • Eletrônico
  • Suspensão - Dianteira
  • Double Wishbone
  • Suspensão - Molas dianteiras
  • Helicoidal
  • Suspensão - Traseira
  • Double Wishbone
  • Suspensão - Molas traseiras
  • Helicoidal
  • Direção - Assistência
  • Elétrica
  • Direção - Ajustes
  • Altura e profundidade

Dimensões e Capacidades +

  • Comprimento (mm)
  • 4669
  • Largura (mm)
  • 1890
  • Altura (mm)
  • 1644
  • Entre-eixos (mm)
  • 2873
  • Diâmetro de giro (mm)
  • 11,8
  • Capacidade tanque de combustível (litros)
  • 66
  • Capacidade do porta-malas (litros)
  • 550
  • Peso bruto (kg)
  • 1835

Tecnologia / Conectividade +

  • Sistema de áudio - Tipo
  • Multifunções
  • USB
  • Sim
  • CD/MP3 player
  • Sim
  • AUX-in
  • Sim
  • Bluetooth
  • Conexão com celular
  • Tela de entretenimento - Tamanho da tela (pol.)
  • 12,3
  • Tela de entretenimento - Espelhamento com smartphone
  • Apple CarPlay + Google Android Auto
  • Tela de entretenimento - Navegação (GPS)
  • Integrado
  • Controle de áudio
  • No volante

Rodas e Pneus +

  • Tipo de roda - Tipo de roda
  • Liga leve
  • Dianteira - Aro (pol.)
  • 19
  • Dianteira - Pneus (largura/perfil/aro)
  • 235/55
  • Traseira - Aro (pol.)
  • 19
  • Traseira - Pneus (largura/perfil)
  • 235/55
  • No Bolso8.3
  • Tecnologia9.5
  • Vida a bordo7.5
  • Desempenho9.4
  • Opinião do repórter8.5
  • + Motor eficiente e econômico
  • + Câmbio rápido e inteligente
  • + Espaço interno
  • + Tecnologia a bordo
  • - Preço
  • - Manopla de câmbio mal-posicionada
 
8.6

Compartilhar
0
Comentários