McLaren revela seu novo esportivo: o 600LT

Supercarro é baseado no 570S, modelo 'de entrada' da marca britânica. Aerodinâmica é reforçada e motor V8 rende 600 cv

  1. Home
  2. Notícias
  3. McLaren revela seu novo esportivo: o 600LT
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Depois de divulgar alguns "teasers", a McLaren finalmente revelou em detalhes seu novo esportivo: o 600LT, variante mais invocada do 570S, o "modelo de entrada" da marca britânica de supercarros, que recentemente inaugurou sua primeira concessionária no Brasil. Como principal diferença em relação ao carro padrão, a velha fórmula: mais potência, menos peso e aerodinâmica aprimorada.

icon photo
Legenda: Novo McLaren 600LT é 36,5 mil libras mais caro que o 570S
Crédito: Divulgação

O nome já entrega: 600 indica que o motor 3.8 biturbo V8 rende 600 cv, enquanto a sigla LT significa "long tail", que designa a traseira alongada, dotada de asa retrátil para elevar a pressão aerodinâmica. Essas duas letras costumam acompanhar os modelos mais potentes da McLaren, a exemplo do 675LT. O torque da novidade é de 63,18 kgf.m, com transmissão automatizada de dupla embreagem e sete marchas e tração traseira.

icon photo
Legenda: Escape na tampa do motor e asa traseira retrátil identificam o novo McLaren 600LT
Crédito: Divulgação

A título de comparação, o 570S rende 570 cv e 61,2 kgf.m. Com todos os pacotes opcionais de fibra de carbono disponíveis, o peso do 600LT é de apenas 1.247 kg, contra 1.561 kg do modelo padrão. Com esses predicados, a novidade da McLaren é capaz de sair da imobilidade e atingir os 96 km/h em menos de três segundos, contra 3,1 s do 570S.

icon photo
Legenda: Com todos os itens de fibra de carbono disponíveis, McLaren 600LT pesa apenas 1.247 kg
Crédito: Divulgação

Além de mais potente, o V8 traz como diferencial o escapamento com ponteira dupla saindo da tampa do motor, do alto, e não da base dos para-choques - além de deixar o carro mais estiloso, lembrando a solução adotada pela Porsche no híbrido 918, essa configuração aumenta a potência, reduzindo a distância percorrida pelos gases de escape, ajuda a cortar gramas preciosas no peso e ainda deixa o ronco do motor bem na altura dos ouvidos do condutor.

icon photo
Legenda: Novo McLaren é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em cerca de 3 segundos
Crédito: Divulgação

Além disso, a novidade compartilha a suspensão "double wishbone" com braços de alumínio forjado com o 720S, coxins mais firmes, pneus Pirelli Trofeo R e interior com bancos do tipo concha, feitos de fibra de carbono, emprestados do superesportivo híbrido P1, da McLaren.

icon photo
Legenda: Repleta de fibra de carbono, cabine do McLaren 600LT traz bancos de competição emprestados do P1
Crédito: Divulgação

Mais detalhes serão revelados em julho, mas o preço inicial já está definido: 185,5 mil libras ou cerca de R$ 946 mil na conversão direta. O preço é 36,5 mil libras (R$ 186 mil) mais alto que o cobrado pelo 570S - que, no Brasil, é vendido a partir de R$ 1,9 milhão.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors