Comparativo virtual: Chery Arrizo 6 Toyota Corolla Honda Civic Chevrolet Cruze

Novo Arrizo 6 desafia Corolla, Civic e Cruze

Sedã médio da Chery tem bom custo/benefício para tentar fazer alguma graça em segmento dominado pelos três modelos


  1. Home
  2. Comparativos
  3. Novo Arrizo 6 desafia Corolla, Civic e Cruze
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Caoa Chery é mais uma a se aventurar no segmento de sedãs médios. O Arrizo 6, que acaba de ser lançado, tentará a sorte em um mercado liderado com folgas pelo Toyota Corolla e perseguido por Honda Civic e Chevrolet Cruze. Por esta razão, em nosso comparativo virtual, vamos mostrar como o novato se porta perante os três modelos que mais vendem no segmento.

Pelo preço da versão única, R$ 108.750 - R$ 98.400 é o valor de lançamento e que durará pouco -, o Arrizo 6 tenta se equivaler às versões de entrada dos rivais. O Civic parte dos R$ 99.200 na LX, enquanto Corolla e Cruze ultrapassam a barreira dos R$ 100 mil: o Toyota custa R$ 105.990 na GLi e o Chevrolet, R$ 105.260, na LT.

Por mais que, durante o lançamento do carro, executivos da Caoa Chery tenham eleito o Volkswagen Jetta como principal alvo de clientes, não dá para fazer uma comparação com o modelo da marca alemã, já que ele custa a partir de R$ 122.890. Vamos, então, focar nos três mais vendidos.

Equipamentos

Todos os quatro têm mais ou menos a mesma base de itens de série. Em segurança, controles de estabilidade e tração, pelo menos seis airbags (o Corolla recebe sete), assistente à partida em rampas, câmera de ré e sistema Isofix são comuns entre os modelos.

Caoa Chery Arrizo 6
icon photo
Legenda: Caoa Chery Arrizo 6 se destaca em alguns itens de série na comparação com os líderes do segmento de médios
Crédito: Divulgação

Mas o novo Arrizo 6 se sobressai nessa parte de segurança com um item: a câmera 360 graus, que mostra na tela do multimídia tudo que se passa próximo ao redor do veículo. O estreante também tem o Auto Hold, dispositivo que permite que o motorista tire o pé do freio e o carro permaneça imóvel, mesmo sem o freio eletrônico de estacionamento acionado.

No conforto, o mais bacana no Arrizo é a chave presencial que permite ligar carro e ar-condicionado à distância. Além disso, há outros detalhes diferentes no sedã da Chery que chamam a atenção, como o ar-condicionado automático com display sensível ao toque e a tela TFT de 7 polegadas que separa os instrumentos analógicos no painel.

Honda Civic Lx 2020
icon photo
Legenda: Civic LX é a versão mais barata do Honda, mas motor turbo só em configuração que passa dos R$ 130 mil
Crédito: Divulgação

No mais, os itens variam entre os rivais. O Corolla GLi também tem couro, retrovisores rebatíveis eletricamente e sensores de luminosidade como o novo Arrizo 6. O Civic LX é outro - com exceção do revestimento, que é de tecido -, mas oferece retrovisor eletrocrômico. O Cruze LT usa couro, é equipado com sistema stop-start do motor, porém carece do comando para os espelhos.

Conjunto mecânico

O sedã da Caoa Chery é um dos poucos a oferecer motor turbo dentro do segmento. São 150/147 cv e 21.4 kgf.m a 1.750 rpm em um conjunto que trabalha com câmbio CVT de nove marchas simuladas. O outro turbinado nesta faixa de preço é o Cruze: o 1.4 da GM tem potência parecida, 153/150 cv, e torque de 24,5 kgf.m a 2.000 rpm. Trabalha com caixa automática de seis velocidades.

icon photo
Legenda: O Corolla, apesar do motor aspirado, é o que oferece mais potência sob o capô
Crédito: Divulgação

O Corolla é mais potente com seu 2.0 aspirado com injeção direta e 177/169 cv, que atua com a que é considerada a melhor transmissão CVT do mercado, com 10 marchas virtuais. Já o velho 2.0 aspirado da Honda gera 155/150 cv no Civic, que também é equipado com câmbio continuamente variável.

Consumo

Apesar de não ser o mais econômico, o estreante não assusta nesse quesito. Fica atrás de Cruze e Corolla, todavia supera o Civic. Segundo aferições do Inmetro, as médias de consumo com gasolina ficam assim:

  • Chery Arrizo 6: 11,0 km/l (cidade) e 13,3 km/l (estrada)
  • Chevrolet Cruze LT: 11,3 km/l (cidade) e 14,0 km/l (estrada)
  • Honda Civic LX: 10,5 km/l (cidade) e 13,0 km/l (estrada)
  • Toyota Corolla GLi: 11,6 km/l (cidade) e 13,9 km/l (estrada)
  • Já com etanol, os modelos registraram tais médias:

    • Chery Arrizo 6: 7,6 km/l (cidade) e 9,4 km/l (estrada)
    • Chevrolet Cruze LT: 7,8 km/l (cidade) e 9,8 km/l (estrada)
    • Honda Civic LX: 7,2 km/l (cidade) e 8,9 km/l (estrada)
    • Toyota Corolla GLi: 8,0 km/l (cidade) e 9,7 km/l (estrada)
    • Conectividade

      O lançamento da Chery vem com uma modernosa central multimídia com tela de 9 polegadas - a maior entre os concorrentes deste comparativo. Ela dispõe de conexão para Android Auto, Apple CarPlay e Bluetooth, além de três entradas USB e exibição da câmera 360 graus, câmera de ré e de funções do ar-condicionado.

      icon photo
      Legenda: Chevrolet Cruze LT ganhou wi-fi a bordo e tem um dos melhores consumos entre os quatro sedãs
      Crédito: Divulgação

      Na GM, a funcional central MyLink do Cruze usa tela de 7 polegadas. O modelo se destaca pelo serviço de concierge OnStar e pela conexão wi-fi a bordo - serviços pagos à parte depois de alguns meses. No Corolla, a tela é de 8", mas o sistema é pouco intuitivo, assim como no equipamento do Civic, que usa um display de apenas 5 pol.

      Dimensões e capacidades

      A Chery alardeia que o novo Arrizo 6 é o maior da categoria. Vamos com calma. Isso é verdade no comprimento de 4,67 m, na largura de 1,81 m e na altura de 1,49 m, já que praticamente todos os três concorrentes perdem nessas medidas.

      Contudo, os rivais ganham naquele que pode determinar maior espaço para pernas na cabine: o entre-eixos. O chinês oferece 2,65 m, enquanto todos os outros trazem 2,70 m.

      icon photo
      Legenda: Porta-malas do novo Arrizo 6 é um dos maiores do segmento
      Crédito: Divulgação

      O grande argumento de espaço do Arrizo 6 está no porta-malas. É, disparado, o maior na comparação com o trio. São 570 litros de capacidade. O que mais chega perto é o Civic, com 525 l. Corolla, com 470 l, e Cruze, com 440 l, perdem feio.

      Conclusão

      O novo Arrizo 6 pode ser uma boa compra, especialmente com o preço promocional de R$ 98.400, para quem quer um carro com motor turbo e uma dose a mais de tecnologia com a câmera 360 e a partida remota pela chave. Além disso, o carro tem design atraente e porta-malas gigante.

      Pesa contra o modelo o fato de ser uma marca ainda iniciante no mercado e com poucas revendas (são 110 atualmente e a empresa espera chegar a 140 pontos até o fim de 2020). Isso faz diferença, ainda mais quando uma Chevrolet, por exemplo, reúne quase 600 concessionárias no país.

      Tem também o fato de Corolla e Civic terem clientes mais fiéis, que dificilmente trocam de marca. De qualquer maneira, o Arrizo 6 tem bons argumentos para quem quiser buscar novos ares e equipamentos neste segmento.

      Comentários