Fiat construirá hospital contra o Covid-19

Empresa ainda fará protetores faciais, doará máscaras e emprestará carros para ajudar na logística

  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Fiat construirá hospital contra o Covid-19
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A FCA, grupo que inclui as marcas Fiat e Jeep, anunciou grandes ações com relação ao combate ao Coronavírus. A principal delas é a criação de um hospital de campanha em Goiana, Pernambuco. Além disso, a empresa cederá um espaço de 1.500 m² para a construção de outro hospital em Betim, Minas gerais.

No caso da cidade pernambucana, a FCA totalmente responsável pela construção. O local já está em fase de adequação para abrigar 100 leitos, incluindo três em sala vermelha (para abrigar casos mais graves).

Além dos leitos, haverá dez consultórios e uma sala de triagem para o atendimento da população. O prédio conta ainda com poste de enfermagem, sala de inalação, central de material e esterilização. A entrega é esperada para a segunda quinzena de abril.

Em Minas Gerais, mais precisamente em Beti, a Fiat cederá a área recreativa e esportiva da empresa para abrigar um hospital de campanha para recepção, triagem e internação de pacientes da Covid-19. O espaço responderá por mais de um terço das vagas criadas no município para atender aos quadros resultantes da pandemia. Ao todo serão 200 leitos no local.

Força-tarefa de respiradores

15 técnicos da empresa, além de outros três da Comau (empresa de automação e serviços do grupo), receberam trenamentos do Senai para ajudar a arrumar respiradores. Esses profissionais irão reparar 275 aparelhos quebrados em Pernambuco e Paraíba, além de 335 em Minas Gerais. Estima-se que 3,6 mil aparelhos precisam de manutenção, Chevrolet e Renault também ajudarão.

Equipamentos de proteção

A Fiat doou 615 macacões de segurança ao SAMU de Pernambuco e 500 para o Servas (serviço similar em Minas), 2,5 mil pares de luvas, 10 protetores faciais e uma autoclave com capacidade de 54 litros para esterilização de materiais.

A marca também vai doar 30 mil máscaras descartáveis e 50 quilos de ácool gel para as Secretarias de Saúde de cada estado. A empresa ainda produzirá 2 mil protetores faciais para doação aos médicos.

A FCA também disponibilizou, em regime de empréstimo por comodato, 125 veículos dos mais diversos modelos dentro do portfólio da companhia para os Governos Estaduais de Pernambuco e Minas Gerais e também para as Prefeituras de Belo Horizonte e Betim.

Apoio estratégico

Por fim, a FCA ajudará fabricantes nacionais nas áreas de compras, logística e engenharia. A ideia é ajudar a comprar matéria-prima e de quebra ampliar a capacidade instalada no Brasil para a fabricação de respiradores.

Comentários