Hyundai revela novos HB20, HB20S e HB20X

De olho nos novos Onix, família HB20 tem design renovado, mais equipamentos e motor turbo; preços partem de R$ 46.490

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Hyundai revela novos HB20, HB20S e HB20X
Marcelo Monegato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Menos de uma semana após a Chevrolet apresentar os novos Onix e Onix Plus (que antes se chamava Prisma), a Hyundai revelou na noite desta segunda-feira (16), em Comandatuba, na Bahia, a totalmente renovada família HB20 – HB20, HB20S e HB20X.

Os preços começam em R$ 46.490 para a versão inicial do hatch, equipada com motor 1.0 aspirado e câmbio manual de seis marchas. Suas vendas começam primeiro que a dos outros, em outubro. Demais valores e datas de chegada das demais configurações, portanto, só devem ser revelados nesta terça. Soubemos nesta segunda, vale dizer, que as versões de topo do carro serão equipadas com controle de cruzeiro adaptativo (ACC) e sistema de frenagem automática.

icon photo
Legenda: Novo HB20: dianteira é polêmica, mas segue a nova linha de design da marca
Crédito: Fernando Miragaya/WM1

O modelo já havia sido apresentado para um grupo de jornalistas brasileiros na sede mundial da Hyundai, na Coreia do Sul – na oportunidade, fotos sem camuflagem não puderam ser feitas.

No entanto, mesmo com o carro sob disfarces, o editor do WM1, Rodrigo Ferreira, acelerou alguns quilômetros com a versão que deve ser a topo de linha do hatchback, equipada com novo motor 1.0 Turbo de três cilindros, injeção direta de combustível, 120 cavalos e 17,5 kgf.m de torque.  A transmissão era automática de seis velocidades.

O design não chega a ser novidade, já que nos últimos dias a Hyundai apresentou partes do novo HB20 ao melhor estilo Jack, o Estripador, ou seja, por partes – e depois acabou revelando-o por completo.

icon photo
Legenda: HB20 sedã ganhou estilo mais "acupezado" na traseira
Crédito: Fernando Miragaya/WM1

Inspirado no conceito Saga

As linhas remetem muito ao Saga, conceito apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018, com uma grade trapezoidal que segue o novo DNA dos veículos da marca em todo o mundo, faróis maiores e afilados, e um capô mais inclinado e liso. O para-choque também é completamente novo.

As laterais mantiveram a linha de cintura elevada, uma característica da primeira geração do HB20, não trazem frisos cromados, mas abusam de vincos tanto na parte superior quanto inferior das portas.

A traseira também foi totalmente reformulada, com novas lanternas, tampa do porta-malas e para-choque. No entanto, em linhas gerais, o hatch manteve o mesmo estilão do primeiro, especialmente pelas dimensões extremamente similares.

Em termos de visual, o HB20S é o que mais mudou. A dianteira segue as linhas do hatch, mas a traseira ganhou um ar de fastback, com a queda da coluna 'C' menos abrupta como nos sedãs convencionais. É nítida a sensação de maior requinte. Lanternas e tampa do bagageiro, assim como o para-choque, são totalmente novos.

icon photo
Legenda: Novo HB20X tem o desenho mais harmônico do trio...
Crédito: Fernando Miragaya/WM1

MOTOR E CÂMBIO

Como dito no início do texto, a grande novidade mecânica do Hyundai HB20 é o novo motor 1.0 12V Turbo de três cilindros que passa a equipar as versões topo de linha de toda a família. Este propulsor conta com injeção direta de combustível e outras tecnologias que o diferenciam do antigo motor turbo da Hyundai, que já não era mais comercializado.

Para este novo motor turbo, a Hyundai aposta em uma transmissão automática de seis marchas, com opções de trocas pela alavanca ou aletas atrás do volante.

As configurações de entrada também têm mudanças. O propulsor continua sendo o 1.0 12V de três cilindros aspirado Flex de até 80 cv de potência, mas o câmbio deixa de ser manual de cinco e passa a ser de seis velocidades, de acordo com o que foi informado pela Hyundai durante visita à fábrica da marca na Coreia do Sul.

A informação ainda não foi confirmada, mas existe a possibilidade de o motor 1.6, que estaria fadado a sumir com a chegada do novo motor turbo, ser mantido nas versões intermediárias. Vale lembrar, no entanto, que na Coreia a fabricante disse que o 1.6 'morreria'.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors