Novo Honda Fit tem grade diferente para a China

Marca japonesa já havia comentado a possibilidade de mudanças pontuais no compacto para agradar a mercados distintos

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Novo Honda Fit tem grade diferente para a China
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Depois de ser apresentado no Japão, o novo Honda Fit começa a chegar a outros mercados. O primeiro deles é a China, que confirma a intenção da marca em realizar mudanças visuais para agradar diferentes mercados. A empresa chegou a prometer design diferente para o Brasil.

Para os chineses, a Honda apresentou duas configurações. A aventureira Crosstar e a Sport, que é a versão convencional, mas com mudanças no design. A grade é bem maior, e tira aquela sensação de inexistência da peça nos exemplares japoneses. O para-choque tem novo desenho, com mais vincos e visual mais agressivo.

Ainda não há fotos do interior ou da traseira, mas essas partes não devem mudar tanto. A grande questão é se a configuração nacional, que deve estrear em 2021, será inspirada na chinesa ou terá um visual ainda mais diferente.

Sem eletricidade

Outra mudança está na parte mecânica. O Fit japonês é vendido somente com versões eletrificados, enquanto na China há uma variante com 1.5 aspirado de quatro cilindros. Esse motor é o mesmo do Civic Touring, mas sem a sobrealimentação do turbo.

Espera-se que no Brasil o Fit estreie o motor 1.0 turbo. Ainda não há informações sobre versões híbridas para o nosso mercado. A geração atual é comercializada em cinco versões.

Veja nosso vídeo com o novo Honda Fit em Tóquio

Comentários