Corolla ganha versão híbrida e parte de R$ 99.990

Novo Toyota Corolla 2020 chega as concessionárias em setembro em três versões de acabamento e duas de propulsão

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Corolla ganha versão híbrida e parte de R$ 99.990
Marcelo Monegato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Toyota apresentou oficialmente nesta terça-feira (3), na cidade do Guarujá (SP), o novo Corolla 2020. Repaginado por completo, o campeão de vendas entre os sedãs médios chega a sua 12ª geração em três versões de acabamento e duas de propulsão, sendo uma delas híbrida (algo inédito no segmento), e com preços que partem de R$ 99.990 e vão até R$ 130.990. vendas começarão dia 11.

OFERTAS WEBMOTORS

A garantia passa a ser de cinco anos para todas as versões – no caso da híbrida, o sistema (baterias, inversor/conversor, módulo de controle da bateria híbrida e módulo de controle de energia) tem garantia de oito anos.

icon photo
Legenda: Novo Corolla começa a ser vendido dia 11
Crédito: Divulgação/Toyota

Corolla agora é híbrido

Apesar do novo design tanto por dentro quanto por fora, a principal novidade do Corolla é a configuração híbrida de propulsão, que utiliza um motor a combustão de 1.8L aspirado de quatro cilindros Flex de até 101 cv de potência e 14,5 kgf.m de torque, quando abastecido com etanol, e outros dois propulsores elétricos de 72 cv e 16,6 kgfm de torque. A transmissão é automática tipo CVT (continuamente variável).

Presente apenas na versão Altis mais ‘completassa’, este sistema de propulsão conta ainda com freios regenerativos – tecnologia que ajuda a recarregar as baterias nas frenagens e desacelerações – e também com quatro modos de condução: ECO, Normal, Sport e EV (esta última permite rodar somente com os motores elétricos, mas é necessário um nível alto de carga das baterias.

icon photo
Legenda: Versão híbrida faz até 16,3 km/l na cidade
Crédito: Divulgação/Toyota

De acordo com dados do INMETRO, o Corolla híbrido é capaz de fazer 16,3 km/l na cidade e 14,5 km/l na estrada, quando abastecido com gasolina. Já com etanol, os números pulam para 10,9 km/l e 9,9 km/l nos perímetros urbano e rodoviário, respectivamente.

Importante ressaltar o Corolla híbrido não é do tipo plug-in, ou seja, não permite que as baterias sejam recarregadas a partir de uma conexão com tomadas externas. O motor a combustão e o sistema de regeneração dos freios são responsáveis por recarregar as baterias.

icon photo
Legenda: Novo interior do novo Corolla na versão híbrida
Crédito: Divulgação/Toyota

RENOVADO MOTOR 2.0

As demais versões do novo Toyota Corolla 2020 são equipadas com um renovado motor 2.0L de quatro cilindros aspirado, também bicombustível – chamado de Dynamic Force –, que gera até 177 cv de potência e 21,4 kgfm de torque, quando com álcool no tanque. O câmbio, assim como na configuração híbrida, é automático do tipo CVT, mas que simula a mudança de até 10 marchas.

icon photo
Legenda: Toyota Corolla ganhou nova central multimídia
Crédito: Divulgação/Toyota

NOVA ‘BASE’

Para a 12ª geração do Corolla, a Toyota utiliza plataforma chamada GA-C, uma derivação da consagrada TNGA. Com esta nova estrutura, a marca japonesa conseguiu baixar em 10 milímetros o centro de gravidade do sedã, que continua praticamente com as mesmas medidas: 4,63 metros de comprimento; 2,70 metros de distância entre os eixos; 1,45 metro de altura; e 1,78 metro de largura (sem os espelhos retrovisores). O porta-malas mantém também os 470 litros da geração anterior. Já o tanque de combustível tem 50 litros para as configurações 100% a combustão e 43 litros para a híbrida.

 Toyota Corolla Híbrido manteve o tamanho, mas apostou no visual descolado
Legenda: Toyota Corolla Híbrido manteve o tamanho, mas apostou no visual descolado
Crédito: Divulgação/Toyota

PACOTE HIGH TECH

Uma das apostas da Toyota é no quesito segurança. Todas as configurações, desde a de entrada GLI, conta com sete airbags (frontais, laterais, de cortina e de joelhos para o motorista), controles de tração e estabilidade, sistema ISOFIX para fixação da cadeirinha, entre outros.

O diferencial, no entanto, está na configuração Altis – tanto a combustão quanto híbrida –, que traz inédito pacote Toyota Safety Sense (TSS), que é formado por quatro sistemas: Sistema de Pré-Colisão Frontal; Alerta de Mudança de Faixa; Faróis Altos Automáticos; e Controle de Cuzeiro Adaptativo.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors