Ford é multada na Austrália por falsas informações

Equipamentos listados como de série em material distribuído a revendedores no país não existiam no Mustang Mach 1

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Ford é multada na Austrália por falsas informações
Roberto Dutra
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Comissão Australiana de Concorrência e Proteção ao Consumidor (ACCC) multou a Ford alegando que a fabricante de automóveis teria prestado informações falsas. Segundo o órgão, a marca teria listado em folhetos informativos online que o Mustang Mach 1 viria de fábrica com alguns equipamentos que, na verdade, não faziam parte do "pacote" de série.

O material teria sido distribuído para revendedores e para seu próprio centro de relacionamento com o cliente entre outubro de 2020 e abril de 2021. E dizia que o carro era equipado com sensores de estacionamento traseiros, faróis de neblina com LEDs, tapetes exclusivos, iluminação ambiente nos bolsões das portas, controle de velocidade adaptativo e até diferencial de deslizamento limitado Torsen - quando, na verdade, não tem esses equipamentos ou recursos.

Por esta razão, a Ford foi multada em 53.280 dólares australianos - o equivalente a uns R$ 218.500. Aqui no Brasil, o Mustang Mach 1 é a única versão vendida do muscle car atualmente - e nós, do WM1, já testamos.

Assista ao vídeo com o teste do Mustang Mach 1

Comentários