Jeep pode ter Grand Cherokee L no Brasil em 2022

Diretor da marca revelou que a nova geração do SUV poderá ser vendida por aqui e ficar acima do Jeep 7-lugares nacional

  1. Home
  2. Segredos
  3. Jeep pode ter Grand Cherokee L no Brasil em 2022
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Já é fato: a FCA, agora comandada pelo Grupo Stellantis, vai importar para o Brasil a partir de 2022 a inédita geração do Grand Cherokee L - versão alongada do modelo que tem sete lugares -, que será posicionada acima do Jeep de 7 lugares, modelo que a empresa planeja para o nosso país para o segundo semestre.

A chegada do Grand Cherokee L foi confirmada por Alexandre Aquino, diretor da marca para América Latina, no lançamento do Compass 2022. Apresentado em janeiro, o SUV será o segundo utilitário da empresa com três fileiras de bancos, mas em um segmento mais premium do mercado, enquanto o "Commander" - suposto nome do novo modelo - ficará entre o Compass e este Grand Cherokee.

Como é o Grand Cherokee L

O carro acaba de ser apresentado lá fora - a versão "comum", com cinco lugares, ainda nem existe. Como ele é maior e mais equipado do que a geração atual, que ainda é vendida por aqui sob encomenda pela etiqueta de R$ 496.900 na versão 80 anos, estimamos que o preço do novo supere o patamar dos R$ 500 mil.

Com isso, o Commander ficaria posicionado neste belo "gap" que ficaria aberto entre o Compass mais caro, que encosta nos R$ 250 mil, e os R$ 500 mil estimados pelo Grand Cherokee.

Jeep Grand Cherokee L Painel
Jeep Grand Cherokee L promete chegar ao Brasil em 2022 e ser o carro mais caro da empresa por aqui
Crédito: Divulgação

E, olha, o SUV é grande. São 5,20 metros de comprimento, 1,96 m de largura, 1,81 m de altura e 3,09 m de entre-eixos. Visualmente, é uma mistura de Compass com Grand Wagoneer (outro SUV grande da Jeep lá nos Estados Unidos) e tem novos elementos estéticos, o que até nos ajuda a imaginar como vai ser o Commander.

Lá fora, usa motor V6 3.6 de 294 cv e 35,5 kgf.m de torque e o V8 Hemi de 5,7 litros com 362 cv e 53,9 kgf.m. O câmbio é sempre automático de oito marchas e o sistema de tração 4x4 oferece seletor de modos de terreno, como todo Jeep mais caro. As vendas nos EUA começam no segundo semestre, praticamente na mesma época da estreia do Commander por aqui.

Jeep Grand Cherokee L Traseira
Nova geração do carro lá fora, por enquanto, só foi mostrada na versão alongada, de sete lugares
Crédito: Divulgação
Comentários