Conheça carros atuais com 10 anos na mesma geração

Alguns modelos podem não ganhar atualizações, enquanto outros já planejam uma mudança

  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Conheça carros atuais com 10 anos na mesma geração
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Aqui no WM1 você já viu os carros que têm mais de 40 anos e também quais demoraram muito tempo para trocar de geração. Na sequência desta série de curiosidades, resolvemos fazer uma pequena lista com cinco carros atuais que já passaram dos 10 anos.

Vale lembrar que, atualmente, a média para a troca de uma geração é de seis anos, sendo que no meio deste período sempre há uma reestilização. Confira a lista abaixo.

Fiat Uno

Fiat Uno Way 1
icon photo
Legenda: Fiat Uno foi lançado exatamente em 2010 e chegou a conviver com a primeira geração
Crédito: Divulgação

Lançado em 2010, o Uno de segunda geração chegou a conviver durante três anos com o antigo Mille, que saiu de linha por força da lei. Não há expectativa para uma nova geração do modelo atualmente. Ao contrário do antecessor, o Uno não deve sair de linha por força de lei, já que está apto a receber controle de tração e estabilidade, previsto para ser obrigatório em todos os carros a partir de 2022.

Chevrolet Montana

Chevrolet Montana 2020
icon photo
Legenda: Chevrolet Montana regrediu em relação à geração anterior
Crédito: Divulgação

A Montana não só está há dez anos nessa geração baseada no Agile, como ela é uma regressão em relação à anterior. E não estamos falando de desenho, que é subjetivo.

Como foi criada em uma época de crise da Chevrolet, onde a matriz lutava pra se manter ativa, a Montana atual trocou a plataforma do Corsa de segunda geração pela do Corsa de primeira geração, de 1994. A picape já esteve em outros países com configurações exclusivas. No Brasil, o modelo se mantém apenas em duas versões.

Citroën Aircross

icon photo
Legenda: Modelo perdeu ainda mais espaço com a chegada do C4 Cactus
Crédito: Divulgação

A proposta do Aircross no seu lançamento até era interessante: ser uma alternativa aventureira na linha. Mas o modelo perdeu espaço para os SUVs compactos. Baseado na minivan C3 Picasso, recebeu até uma reestilização. Porém, com a chegada do C4 Cactus, ainda viu sumir algumas versões e agora é um coadjuvante na linha francesa. Não deve receber uma nova geração.

Hyundai ix35

icon photo
Legenda: Hyundai Ix35 segue a receita de ter gerações diferentes convivendo
Crédito: Divulgação

O SUV ainda se vale do custo benefício, com porte de médio e preço de compacto -ao menos atualmente. O ix35 nada mais é que a segunda geração do Tucson - e os dois conviveram por muito tempo, inclusive na linha de produção de Anápolis (GO).

Depois que decidiu aposentar o primeiro Tucson, já após lançar o New Tucson - portanto, a terceira geração do mesmo carro -, a Hyundai reposicionou o preço do modelo. Não se espante se o ix35 durar por algum tempo ainda.

Volkswagen Amarok

icon photo
Legenda: Volkswagen Amarok já tem planos para a troca de geração
Crédito: Divulgação

A picape média já tem data para ganhar uma nova geração: 2021. O detalhe curioso é que será feita em parceria com a Ford, que também já projeta uma nova geração para a Ranger. Algo similar ao que fizeram Nissan, Renault e Mercedes-Benz para criar a nova Frontier e as inéditas Alaskan e Classe X - essa última, já encerrada.

Comentários