Strada x Saveiro: onde cada uma se sai melhor

Completamente renovada, nova geração da picape da Fiat complica ainda mais a vida da rival da Volkswagen

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Strada x Saveiro: onde cada uma se sai melhor
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Fiat Strada ganhou nova geração, como você pode ver nas nossas primeiras impressões, além dos preços e equipamentos de todas as versões.  Agora que todo mundo já conhece a novidade, será que ela é melhor que a principal rival, a Volkswagen Saveiro? A gente resolveu comparar os conteúdos e usar nossas avaliações prévias para te dar uma luz a respeito disso.

Vale ressaltar que durante muito tempo a Strada foi apontada como um carro para trabalho, enquanto a Saveiro agrega uma imagem de útil tanto para quem precisa de caçamba, como para quem usa o veículo para o lazer. Será que continuará assim?

As "pé de boi"

Vamos começar o duelo virtual Strada x Saveiro pela base. Apesar de manter a configuração Hard Working sobre o modelo antigo, iremos considerar somente a nova geração da picape da Fiat, ou seja, a partir da Endurance. A configuração de entrada da Saveiro é a Robust. E aqui já há uma disparidade de itens.

Como se tornou obrigatório em novos projetos, a Strada sai em vantagem com os controles de tração e estabilidade, mas vai além e oferece o auxiliar de partida em rampa e quatro airbags. Nenhum desses itens está disponível na Saveiro Robust.

Fiat Strada Endurance cabine simples branca de frente
icon photo
Legenda: A nova geração da Fiat Strada na configuração com cabine simples
Crédito: Divulgação

Em termos visuais elas se equiparam, pois são as famosas versões para trabalho. Ambas levam rodas de aço e para-choques, capas dos retrovisores e maçanetas pintados de preto.

No entanto, a Saveiro volta a ficar para trás no quesito conforto, uma vez que o ar-condicionado e direção hidráulica são opcionais (em um pacote que custa R$ 7.690), enquanto na Strada são de série. Isso acaba em preços similares: R$ 63.590 para a unidade da Fiat e R$ 64.230, para a Volkswagen se levarmos em consideração o pacote adicional. O preço base da Saveiro é de R$ 56.540.

Com cabine dupla, a questão dos preços fica parecida. A Saveiro parte de R$ 70.550, mas ainda precisa do pacote opcional para ter itens de conforto. A Strada custa R$ 74.490.

Volkswagen Saveiro Robust cabine simples de traseira vista do alto com galpão ao fundo e uma pilha de sacos de cimento ao lado
icon photo
Legenda: Saveiro Robust cabine simples: picape compacta perde em equipamentos para a rival
Crédito: Divulgação

A vantagem da Saveiro está no motor, uma vez que a Fiat insiste no 1.4 Fire de 88 cv para esta versão. A Volkswagen, apesar de não equipar a configuração de entrada da Saveiro com seu motor mais moderno MSI, tem o robusto e confiável 1.6 8V com 104 cv.

Freedom x Trendline

A partir daqui, no desenho Strada e Saveiro se equiparam. Os para-choques, retrovisores e maçanetas passam a ser da cor da carroceria. No entanto, o exemplar da VW insiste nas rodas de aço, enquanto a picape da Fiat já passa a ser equipada com aros de liga leve.

Em itens, além dos de segurança, que também seguem indisponíveis na Saveiro Trendline, a Strada Freedom passa a ter direção elétrica - contra a assistência hidráulica da rival.

Ambas são equipadas com rádio, porém só a Fiat tem volante multifuncional de série. Outro item já presente na novidade e ausente na veterana é o brake light. As duas podem receber central multimídia, câmera de ré e sensor de estacionamento como opcionais.

Se antes o motor era favorável para a Saveiro, agora o jogo se inverte. O Firefly é uma ótima novidade, mesmo com potência similar à da rival, sua concepção é mais moderna, menos barulhenta e mais econômica. O câmbio da Volkswagen segue melhor, mas a Fiat tirou boa parte da vantagem.

Em termos de preços, a Freedom cabine simples custa R$ 69.490, enquanto a Saveiro é apenas R$ 200 mais barata. A Fiat ainda tem a opção de cabine dupla, que sai por R$ 77.990. Essa configuração está indisponível na versão intermediária da Volkswagen.

Topo de linha

A Saveiro Cross quase equipara o jogo em relação aos itens de segurança, e perde apenas ao ter só dois airbags - contra quatro da Strada Volcano. Mas a Volks leva vantagem ao entregar freio a disco nas quatro rodas.

Nenhuma das duas oferece opcionais, porém há ligeira vantagem para a Fiat. Ambas têm de série central multimídia, câmera de ré, sensores de estacionamento, bancos de couro, rack de teto, capota marítima, santantônio, entre outros, mas só a Strada recebe faróis de LED.

icon photo
Legenda: Saveiro topo de linha usa o bom motor 1.6 16V, mas não tem opção de quatro portas como a Strada
Crédito: Divulgação

Em termos de conforto, só a Fiat sai na configuração quatro portas, o que facilita a vida dos passageiros traseiros. Vale lembrar que antes a Strada vinha com opção de até três portas, mas era homologada para apenas quatro passageiros.

icon photo
Legenda: Fiat Strada Volcano: projeto mais moderno resulta em uma picape melhor de dirigir que a Saveiro
Crédito: Divulgação

Já a motorização muda na Saveiro, que passa a receber o 1.6 MSI de 120 cv e 16V, o mesmo do Polo, por exemplo. O comportamento perante o Firefly é bem parecido, com um pouco de vantagem para a Volkswagen em desempenho, enquanto a Fiat é mais econômica.

No entanto, quando colocamos vantagens e desvantagens diante do preço, a superioridade da Strada fica muito clara. A Fiat cobra R$ 79.990 na sua versão mais cara, contra nada menos que R$ 91.350 da Saveiro.

E dinamicamente?

Ao volante, a Saveiro ainda segue um pouco mais agradável, especialmente pelo acerto do câmbio. A Strada evoluiu bastante nesse sentido. A suspensão dianteira está muito melhor e dá muito mais dinamismo à condução.

No entanto, quando vazias, a Fiat tende a pular um pouco mais, o que pode incomodar um pouco na questão do conforto. No geral, a Strada passa a ser um produto superior.

Assista ao vídeo com a nova Fiat Strada

Comentários