As 9 cópias de carros chinesas mais descaradas

Conheça modelos feitos por fabricantes do país asiático que claramente tiraram "inspiração" de outros veículos

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. As 9 cópias de carros chinesas mais descaradas
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Não é estranho ver carros rivais com desenhos parecidos. Mas muitos modelos servem de "inspiração" para outros. Apenas para citar exemplos, vamos listar a proximidade dos desenho de concorrentes como Volkswagen Gol (a partir do G5), Chevrolet Onix, Renault Sandero (2ª geração) e, mais recentemente, Fiat Argo.

Embora as fábricas não confirmem de forma oficial, é fato que os três últimos têm para-choques parrudos, "musculosos" e mais avantajados devido a uma clara inspiração no Gol, já que o carro da Volks é o mais "velho" entre todos e foi líder de vendas por quase três décadas.

O Gol, por sua vez, bebeu na fonte do BMW Série 1, que em sua primeira geração estreou essa tendência de os para-choques serem mais compridos que faróis e lanternas. Repetimos: nenhuma fabricante vai confirmar que se inspirou em um carro de outra marca. Mas é só analisar o desenho dos carros para ter essa noção.

Copias chinesas de carros: homenagem?

Isso posto, falemos sobre os carros chineses. A China é um país conhecido por literalmente fazer cópias quase perfeitas de produtos mundialmente consagrados. Nós, brasileiros, podemos achar o costume bizarro, mas não é essa a visão que eles, chineses, têm.

Na prática, para um chinês, uma cópia (de um carro, celular ou qualquer outro produto) não é "roubo" de propriedade industrial. Mas sim uma homenagem a algo bem visto por sua sociedade.

Recentemente, aliás, eles prestaram uma homenagem ao Fusca. O icônico modelo recebeu uma releitura chamada Ora Punk Cat, equipada com motor elétrico. O modelo foi mostrada no mês passado, no Salão de Xangai. Com quatro portas e pegada retrofuturista, vem até com central multimídia de tela gigante.

Ora Punk Cat
O elétrico Ora Punk Cat é "homenagem" chinesa exibida no Salão de Xangai no mês passado

Bom, posto tudo isso, listamos oito exemplos (e uma menção honrosa) de carros chineses que homenageiam - ou copiam descaradamente, como preferir - projetos de outras marcas. A reportagem é fruto de uma parceria entre Webmotors e o portal mexicano Autología. Confira e divirta-se ao conhecer as cópias chinesas.

1) Chery QQ

O Chery QQ ("fofo", em chinês) é um subcompacto que foi vendido no Brasil conhecido pela "carinha" simpática. Muita gente não sabe, mas o modelo é claramente inspirado no Daewoo Matiz, outro compacto com "rostinho" feliz, dessa vez sul-coreano. - e produzido em conjunto e sobre a mesma plataforma do também cativante Chevrolet Spark.

A prova de que se trata de uma das copias chinesas aconteceu no México, onde ambos chegaram a ser vendidos ao mesmo tempo: a Chery chegou a ser acionada judicialmente pela GM por questões de "direitos intelectuais".

Chery QQ cópias chinesas
Chery QQ de primeira geração era "inspirado" no Daewoo Matiz
Crédito: Divulgação
Daewoo Matiz
Daewoo Matiz, o carro que o Chery QQ "homenageia"
Crédito: Divulgação

2) Laibao S-RV

"Mude uma letra do nome e coloque uma grade diferente". Esta foi a solução da Laibao para criar um SUV que "coincidentemente" se parece muito com a segunda geração do Honda CR-V (RD4–RD9).

Como esperado, a Honda entrou com uma ação judicial ao saber do plágio, mas que não impediu a Laibao de continuar a vender o modelo - que, embora tenha alguns detalhes que o diferenciem do CR-V original, é realmente muito parecido com o SUV japonês.

Laibao S-RV cópias chinesas
Laibao S-RV: a versão chinesa da segunda geração do Honda CR-V
Crédito: Divulgação
Honda CR-V de segunda geração
CR-V de segunda geração: Honda entrou com ação judicial contra a chinesa
Crédito: Divulgação

3) Zotye SR9

A Zotye, outra montadora chinesa, colocou sua versão do Cayenne ou do Macan à venda. Os traços externos são muito próximos aos que são apresentados pelos SUVs da Porsche e, acredite, até o interior tem muita semelhança.

O mais legal é que o Zotye SR9 custa apenas 13.000 euros (pouco menos de R$ 75 mil), uma fração do que custa um Cayenne nos dias de hoje - ou até mesmo um Porsche Macan: R$ 435 mil e R$ 329 mil, respectivamente, em suas versões de entrada.

Zotye SR9 é chamado por alguns veículos de imprensa como "Porsche do povo"
Crédito: Divulgação
Porsche Macan claramente serviu de "inspiração" para o carro da Zotye
Crédito: Porsche Macan salzburg design Singapura

4) HuoYun Electromobile

A versão chinesa do Smart Fortwo é mais do que óbvia e encontramos uma similaridade quase exata. Vale destacar que a mecânica do Electromobile é elétrica, com autonomia de 120 km e máxima de 50 km/h, para você esquecer totalmente as multas por excesso de velocidade.

Curiosamente, a próxima geração dos carros da Smart, que pertence à Mercedes-Benz, promete ser totalmente eletrificada... Seria uma cópia da cópia?

HuoYun Electromobile é conhecido como o Smart Fortwo chinês
Crédito: Carscoop
Smart Fortwo, a inspiração do carrinho elétrico chinês
Crédito: Divulgação

5) Landwind X7

Já sonhou em ter um Range Rover Evoque, mas seu orçamento era limitado? Não se preocupe, o Landwind X7 tem estética muito semelhante e preço muito mais acessível.

Sob o capô, o carro chinês utiliza um bloco de 2,0 litros da Mitsubishi com 190 cv. Soubemos também que quando a Jaguar Land Rover descobriu essa cópia, tentou, sem sucesso, interromper sua venda.

Landwind X7 é uma cópia descarada do Range Rover Evoque e usa motor 2.0 da Mitsubishi
Crédito: Divulgação
Land Rover Range Rover Evoque de geração anterior
Crédito: Land Rover range rover evoque

6) K-one

A estética é praticamente a mesma de um Mercedes-Benz GLA, principalmente na dianteira. Apenas a traseira nos faria duvidar de que este veículo é muito semelhante ao carro alemão.

Como é habitual nas cópias chinesas, a seção mecânica não é nada parecida: o K-One é alimentado por um motor elétrico que não oferece informações sobre autonomia, mas sabe-se que atinge a velocidade máxima de 102 km/h.

K-One é um carro chinês com cara (faróis, grade e para-choques) de SUV da Mercedes
Crédito: Reprodução
Mercedes-Benz GLA, o carro que inspirou o K-One
Crédito: Divulgação

7) BAIC BJ 80

Este é uma cópia quase exata do Mercedes-Benz Classe G - exceto na frente, onde encontramos uma grade com design diferente e, obviamente, mecânica totalmente aleatória.

Neste caso, é importante deixar claro que a BAIC sempre esclareceu que a plataforma na qual este veículo é construído é a mesma do próprio Classe G, já que na China as duas marcas têm um acordo estratégico.

Baic BJ 80 é feito sobre a mesma plataforma que o Mercedes Classe G, seu grande inspirador
Crédito: Divulgação
Mercedes Benz Classe G sempre foi igual: quadrado e robusto
Crédito: Divulgação

8) Hongqi HQD

Um veículo requintado e com design inspirado no Rolls-Royce Phantom não é surpresa - já que na China há forte crescimento na demanda por carros com foco no luxo e no conforto.

O Hongqi HQD tem linhas diferentes e bastante polêmicas, principalmente na frente. Mas o resto do veículo é muito semelhante ao Phantom, inclusive as portas suicidas. Outra das copias chinesas!

Rolls-Royce chinês: este é o Hongqi HQD, também muito mais barato que os carros da marca inglesa
Crédito: Divulgação
Rolls Royce Phantom, a "origem" do carro da Hongqi
Crédito: Divulgação

Menção honrosa: Geely Merrie 300

Esta cópia recebe apenas uma menção honrosa, uma vez que não foi lançada no mercado. O Geely Merrie 300 tinha estética semelhante à do Mercedes-Benz Classe C do início dos anos 2000.

Só que devido a uma reivindicação da marca alemã, a Geely decidiu alterar o design final do sedã para não enfrentar problemas legais. Hoje, é dona da Volvo e uma das marcas mais importantes do planeta, principalmente por (novamente) se aventurar na venda de carros em outras partes do mundo - no Brasil, não durou dois anos.

Merrie 300 teria design muito parecido com o Classe C dos anos 2000, mas a Geely chinesa desistiu
Crédito: Reprodução
Classe C 2001, a inspiração do modelo da Geely
Crédito: Divulgação
Comentários