BMW registra pedido de patente para novo volante

Chamado de "Yoke", ele parece um manche de avião e deverá equipar futuros modelos da marca alemã. Tesla já fez um assim

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. BMW registra pedido de patente para novo volante
Roberto Dutra
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A BMW registrou o pedido de patente de um novo tipo de volante. Chamado de "Yoke", parece um pouco com um manche de avião. Só que tem três partes separadas e móveis: o miolo é redondo, como de hábito, mas nos dois lados surgem duas hastes em forma de "L",  que podem ser usadas dobradas ou abertas, independentemente uma da outra.

Generated By Pixel @ 2022 01 12t17:52:28.076438
A imagem acima mostra o volante Yoke esterçado e com as duas hastes em "L" em posições diferentes
Crédito: Reprodução
toggle button

A patente foi descoberta primeiramente pelo site www.carbuzz.com e foi apresentada aos registros de marcas e patentes dos Estados Unidos, da Alemanha e da China. O novo volante provavelmente será usado em algum tipo de veículo autônomo ainda a ser lançado, já que ocupa menos espaço do que um volante tradicional. Pode  até parecer revolucionário, mas a ideia não é inédita: há alguns meses a Tesla mostrou uma peça do mesmo tipo, destinada a equipar o modelo Tesla S.

Generated By Pixel @ 2022 01 11t23:38:38.039933
O volante desenvolvido pela Tesla para o modelo S é achatado em cima e  embaixo, mas não tem partes móveis
Crédito: Divulgação
toggle button

Quando se gira o miolo, as duas hastes giram junto, mas como estão presas somente na base, funcionam de forma semelhante a uma manivela. Isso permitiria uma pegada sempre precisa, mesmo quando o volante fosse completamente esterçado, e também facilitaria a vida de pessoas portadoras de deficiências físicas.

Nardi Two Spokes
O Two Spokes feito pela Nardi é composto por miolo, dois raios e suportes que remetem aos manches dos aviões
Crédito: Divulgação
toggle button

Segundo o site www.soloautos.mx, o volante lembra muito um similar da marca Nardi, chamado de Two Spokes. Vale lembra que as fabricantes de automóveis muitas vezes registram patentes de novos componentes  que, no fim das contas, jamais chegam às linhas de montagem - em boa parte dos casos, é só para evitar que uma concorrente replique o projeto.

Comentários