Os carros mais vendidos de julho em cada segmento

VW T-Cross foi a grande surpresa do mês: bateu recorde de vendas, superou o Onix e foi o primeiro SUV a liderar mercado

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Os carros mais vendidos de julho em cada segmento
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Fenabrave divulgou relatório com dados de vendas de julho de 2020. O mês registrou 43,6% de aumento nas vendas na comparação com junho, mas em relação ao mesmo período de 2019 a queda é de 20,1% - isso quando consideramos carros, comerciais leves, motos, caminhões e ônibus.

O grande destaque de julho foi o Volkswagen T-Cross, que teve 10.211 unidades emplacadas como o primeiro dos carros mais vendidos. O SUV compacto da marca alemã destronou o Chevrolet Onix (foi a primeira vez que o carro da GM ficou sem a medalha de ouro desde que assumiu esse posto, em agosto de 2015). O modelo da Volks também é o primeiro SUV da história a liderar as vendas mensais de carros no Brasil.

Na prática, quando falamos somente do mercado, especialistas da Fenabrave garantem que ainda estamos longe do patamar do ano passado, mas consideram que nos "levantamos" da queda de abril e maio causada pela quarentena gerada pela Covid-19. A esperança de executivos da entidade e dos fabricantes é de que estes números continuem em crescimento nos próximos meses.

Abaixo, seguimos com nosso ranking tradicional de carros mais vendidos: apontamos quem foi o líder das cinco principais categorias do mercado nacional de carros, hatches, sedãs, SUVs, picapes e esportivos.

Hatch: Chevrolet Onix

Chevrolet Onix  perdeu a medalha de ouro para o Volkswagen T-Cross em julho, mas segue inabalável como carro mais vendido do Brasil no acumulado do ano - e obviamente como líder entre todos os hatchbacks do mercado.

No mês passado, foram 9.716 unidades vendidas, quase 2.000 acima do segundo colocado, o Hyundai HB20, que emplacou 7.852 carros em julho. O terceiro colocado foi o Fiat Argo, que teve 4.756 registros.

Chevrolet Onix vermelho em movimento na estrada com sol baixo atrás de uma plantação de eucalliptos
icon photo
Legenda: Chevrolet Onix não deixou o topo da categoria, mas perdeu a medalha de ouro de todo o mercado em julho
Crédito: Divulgação

Sedã: Chevrolet Onix Plus

O Onix Plus manteve mais uma vez o posto de sedã mais vendido do Brasil. Ele ocupa essa posição desde seu segundo mês cheio de vendas, em novembro do ano passado. Foram 5.205 unidades emplacadas em julho, mas é sempre importante registrar que a Fenabrave contabiliza a nova geração e o antigo Prisma, agora chamado Joy Plus (cerca de 20% das vendas totais).

Na lista de três-volumes, o segundo colocado foi novamente o Toyota Corolla, que vendeu 3.265 unidades, e o terceiro mais uma vez foi o Volkswagen Virtus, com 2.642 emplacamentos.

Chevrolet Onix Plus Premier 2020
icon photo
Legenda: Chevrolet Onix Plus continua com o posto de sedã mais comercializado do país
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

SUV: Volkswagen T-Cross

Temos um novo líder de mercado - e, obviamente, da categoria de SUVs. O Volkswagen T-Cross, assim como em junho, vendeu MUITO em julho e roubou a medalha de ouro  - do mercado geral de carros mais vendidos - que o Chevrolet Onix não tirava do pescoço desde 2015.

É importante registrar que o T-Cross também é o primeiro SUV a liderar mensalmente o mercado e ultrapassar a barreira das 10 mil unidades (10.211) emplacadas em um mesmo mês, com forte participação da versão Sense (PCD) neste resultado. Isso representa o que chamamos de "queima de estoque" da linha 2020, já que na próxima quinta (6/8), a marca apresenta o modelo 2021.

A segunda colocação ficou com o Chevrolet Tracker, com 6.070 registros, e o terceiro no mês passado foi o Jeep Compass, com 4.786 emplacamentos.

Volkswagen T-Cross 250 TSI Highline
icon photo
Legenda: Carros mais vendidos: VW T-Cross foi o veículo e o SUV mais emplacado de julho de 2020
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

Picape: Fiat Strada

A picapinha da Fiat trocou de geração em junho e segue com ótimos números, como já era de se esperar. A Strada foi o modelo mais vendido no segmento de picapes e comerciais leves em julho, com 6.564 unidades, e quarto carro mais emplacado do país na soma geral.

Na segunda colocação vem a Fiat Toro, que teve 4.258 registros, e depois a Volkswagen Saveiro, em terceiro, que se recuperou de alguns meses em baixa, com 2.828 licenciamentos. A Toyota Hilux foi a quarta, com 2.327 emplacamentos, seguida pela Ford Ranger, que teve 1.729 vendas em julho.

icon photo
Legenda: Fiat Strada: segunda geração melhora para se manter na liderança
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

Esportivo: Porsche 911

O segmento de alto luxo segue aquecido e mais uma vez o líder da categoria foi o Porsche 911, que teve 62 unidades vendidas no mês passado. O segundo colocado foi o Ford Mustang, com 45 emplacamentos, e o terceiro foi o Porsche Boxster, com 23 registros.

No acumulado do ano, o 911 já vendeu 562 unidades, seguido por Mustang (226) e Boxster (186). É importante destacar que nessa categoria levamos em consideração somente modelos "nascidos" como esportivos. Não consideramos, por exemplo, versões esportivadas feitas em cima de carros que já existem em configurações "civis", como Audi RS6 e Renault Sandero RS, por exemplo.

icon photo
Legenda: Porsche 911 Carrera foi o esportivo mais vendido de julho de 2020 e lidera no acumulado do ano
Crédito: Divulgação
Comentários