Toyota Yaris 2023 chega a partir de R$ 92.190

Modelos sedã e hatch, fabricados em Sorocaba (SP), começam a ser vendidos nas próximas semanas com "novo" visual

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Toyota Yaris 2023 chega a partir de R$ 92.190
Guilherme Silva
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Lançado no Brasil em 2018, o Toyota Yaris chega à linha 2023 com novidades visuais e de conteúdo para aumentar a sua competitividade nos segmentos de hatches e sedãs compactos, conforme antecipado por aqui no WM1.

Yaris 2023 2 Novo
Toyota Yaris 2023 hatch e sedã ganham novidades visuais e de conteúdo para brigar com a concorrência
Crédito: Divulgação
toggle button

Os veículos fabricados em Sorocaba (SP) começam a ser vendidos na próxima semana em apenas três versões, todas equipadas com o motor 1.5 flex e câmbio automático CVT.

Na linha 2023, o Yaris deixa de oferecer a versão XL Plus, intermediária, que ficava posicionada abaixo da topo de linha XLS. Segundo a Toyota, "o nível de equipamentos está mais balanceado para atender às preferências dos consumidores deste tipo de categoria".

Além disso, a marca tirou de linha do mercado brasileiro as versões do Yaris hatch equipadas com o motor 1.3 flex de 101 cv de potência e 12,9 kgf.m de torque devido ao novo posicionamento do modelo.

Confira os preços do Toyota Yaris 2023:

  • Yaris XL 1.5 CVT – R$ 92.190
  • Yaris XS 1.5 CVT – R$ 101.490
  • Yaris XLS 1.5 CVT – R$ 112.690
  • Yaris Sedan XL 1.5 CVT – R$ 96.390
  • Yaris Sedan XS 1.5 CVT – R$ 104.990
  • Yaris Sedan XLS 1.5 CVT – R$ 116.990
  • Retoques discretos

    Visualmente, o Yaris 2023 recebe novo para-choque e grade frontal redesenhada - com traços que são inspirados no Corolla. Tem mais: as luzes de rodagem diurna de LED agora ficam posicionadas no nicho dos faróis de neblina (XL e XS) ou integrada aos faróis principais (que são em LED) na versão XLS.

    Yaris 2023 4 Novo
    Para-choque e grade frontal do Toyota Yaris foram redesenhados
    Crédito: Divulgação
    toggle button

    Na traseira, a única mudança é a adoção de lanternas com iluminação em LED. Os dois modelos (hatch e sedã) também recebem novas rodas de liga leve de 15 polegadas, que na versão XLS possui pintura bicolor.

    Luzes de rodagem diurna em LED agora ficam posicionadas no nicho dos faróis de neblina
    Crédito: Divulgação
    toggle button

    Já a principal atualização interna é o novo acabamento escurecido para as cabines das configurações XL e XS.

    Principais equipamentos

    Todas as versões de Yaris e Yaris Sedan são equipadas de série com sete airbags (dois frontais, dois laterais, dois de cortina e um para os joelhos do motorista), controles de estabilidade e tração, borboletas para trocas de marchas no volante, aviso luminoso e sonoro do afivelamento dos cintos, vidros e travas elétricos, ar-condicionado, direção elétrica e central multimídia de 7” compatível com Android Auto e Apple CarPlay (apenas por cabo), entre outros.

    Os dois também ganharam duas entradas USB para a recarga de dispositivos eletrônicos aos passageiros do banco traseiro.

    Painel do novo Toyota Yaris: tela da central multimídia é de 7 polegadas
    Crédito: Divulgação
    toggle button

    Nas configurações XS e XLS, hatch e sedã contam ainda com ar-condicionado automático digital com filtro antipólen, computador de bordo com tela TFT de 4,2”, câmera de ré, alarme volumétrico, banco traseiro rebatível, controle de cruzeiro e chave presencial. Ambas passam a contar também com o assistente pré-colisão com frenagem automática e com o alerta de mudança de faixa.

    Na versão topo de linha XLS são acrescentados os espelhos externos com rebatimento elétrico, retrovisor interno antiofuscante, faróis de LED com acendimento automático (sensor crepuscular), para-brisa acústico e teto solar elétrico.

    Motorização

    O único conjunto motriz disponível para Yaris e Yaris Sedan é o que combina o motor 1.5 flex aspirado com injeção multiponto e duplo comando variável de válvulas ao câmbio automático CVT que simula sete marchas. O propulsor entrega 105/110 cv de potência a 5.600 rpm e 14,3/14,9 kgf.m de torque a 4.000 rpm (gasolina/etanol).

    Toyota Yaris é equipado com motor 1.5 flex aspirado que entrega até 110 cv de potência
    Crédito: Divulgação
    toggle button

    De acordo com a Toyota, o conjunto feito em Porto Feliz (SP) sofreu melhorias para atender às novas normas de emissões e ruídos do Proconve L7.

    Outra novidade mecânica é a inclusão dos modos de condução ECO (para aumentar a eficiência e reduzir o consumo de combustível) e Sport. Este último altera a programação do câmbio, e, assim, atrasa as trocas de marchas para aproveitar a melhor faixa de rotações do motor que entrega mais desempenho (o que, claro, eleva o consumo).

    Consumo

    Toyota divulgou apenas as médias de consumo com etanol. Segundo a fabricante, o Yaris hatch faz 8,8 km/l na cidade e 10 km/l na estrada. Já as médias do sedã são de 9 km/l em trecho urbano e 10,6 km/l em percurso rodoviário.

    Dimensões e pesos

    Yaris hatchback mede 4,14 metros de comprimento, 1,49 m de altura, 1,73 m de largura e 2,55 m de distância entre-eixos. O porta-malas acomoda 310 litros de bagagem. O peso do modelo varia entre 1.125 kg (XL e XS) e 1.150 kg (XLS), de acordo com a versão.

    Toyota Yaris hatch mede 4,14 metros de comprimento e tem 2,55 m de distância entre-eixos.
    Crédito: Divulgação
    toggle button

    Já o Yaris Sedan tem 4,42 m de comprimento e as medidas de altura, largura e entre-eixos são idênticas às do hatch. O seu compartimento de bagagens, no entanto, possui 473 litros de capacidade. O peso em ordem de marcha é de 1.130 kg nas versões XL e XS e de 1.150 kg na XLS.

    Porta malas do Toyota Yaris sedã tem capacidade para 473 litros
    Crédito: Divulgação
    toggle button

    Garantia e mix de vendas

    A Toyota reforça que o Yaris 2023 manterá a garantia de cinco anos ou 100 mil km (o que ocorrer primeiro) e não teve alterações nos preços das revisões programadas (R$ 4.309,77 até os 60 mil km).

    A marca estima que a versão intermediária XS responderá por metade das vendas do hatch e do sedã, enquanto as configurações XL e XLS dividirão os outros 50% do volume das duas configurações.

    Comentários