Chevrolet encerra produção do Cobalt

GM confirma o fim do sedã. Chegada do novo Onix Plus fez as vendas do antigo modelo caírem significativamente

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Chevrolet encerra produção do Cobalt
Fernando Miragaya
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Não teve jeito. Depois de a Chevrolet encerrar as vendas do Cobalt na Argentina, a General Motors confirma o encerramento da produção do sedã no Brasil. O fim de linha para o três-volumes era dado como certo desde o lançamento do novo Onix Plus, em setembro de 2019.

A própria GM brasileira admite que a chegada do novo sedã substituto do Prisma fez os clientes do Cobalt migrarem. Em comunicado oficial, o fabricante confirma o fim da produção.

"A GM informa que a produção do Cobalt foi encerrada e que as vendas do produto seguem até o fim dos estoques. Após o lançamento do Onix Plus, a empresa vem constatando a migração dos consumidores do sedã para o novo modelo", informa a montadora.

A marca faz questão de ressaltar, ainda, que o Onix Plus oferece "performance, tecnologia, amplo espaço interno e equipamentos", como wi-fi a bordo, assistente automático de estacionamento, seis airbags, controles de estabilidade e tração, entre outros.

Febre na praça

Lançado em novembro de 2011, o Cobalt chegou na lógica de Renault Logan e Nissan Versa: oferecia preço de compacto com espaço de médio. Logo virou febre entre taxistas. Desde o lançamento do Onix Plus, em novembro de 2019, contudo, as médias de vendas, que se mantinham superiores a mil unidades/mês, caíram mais de 40%.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors