Contagem regressiva: F1 de rua da Mercedes vem aí

Lewis Hamilton já posou ao volante do supercarro AMG Project One, que será revelado nesta terça com mais de 1.000 cv

  1. Home
  2. Frankfurt
  3. Contagem regressiva: F1 de rua da Mercedes vem aí
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Amanhã será o dia. A Mercedes-Benz finalmente vai revelar o AMG Project One, ambicioso supercarro que pretende ser a versão comercial do monoposto da marca alemã que disputa o campeonato de Fórmula 1 - só que com dois lugares, e supostamente, homologação para rodar em vias públicas, o que inclui a presença de para-brisa, teto, faróis e lanternas.

icon photo
Legenda: mercedes-amg project one Lewis Hamilton
Crédito: mercedes-amg project one Lewis Hamilton

Para dar uma palhinha do que está por vir, o tricampeão mundial Lewis Hamilton, da AMG-Mercedes e atual líder do campeonato, postou na sua conta no Twitter uma foto ao volante do Project One. Na imagem, o piloto diz que "falta um dia para o lançamento da nova besta da Mercedes-AMG no Salão de Frankfurt", referindo-se  ao evento alemão onde a "besta" será mostrada em público pela primeira vez, com todos os detalhes técnicos.

icon photo
Legenda: mercedes-amg project one
Crédito: mercedes-amg project one

A Mercedes, que já havia divulgado uma série de "teasers" do superesportivo, também colocou no ar uma foto da máquina, mais especificamente da traseira, com destaque para o enorme escapamento central, para as entradas de ar no capô (o motor é instalado na posição central-traseira, como na F1), para a enorme entrada de ar no teto e para as lanternas traseiras minimalistas, divididas em três "traços"de LEDs de cada lado.

icon photo
Legenda: mercedes-amg project one
Crédito: mercedes-amg project one

Segundo os dados já divulgados pela Mercedes-Benz, o Project One será equipado com motor 1.6 V6 turbo com tecnologia híbrida, como na Fórmula 1, com potência acima dos 1.000 cv e tração integral - o motor a combustão movimenta as rodas traseiras e outro, elétrico, as dianteiras. Esse propulsor recebeu modificações para ser usado nas ruas, principalmente para ter maior durabilidade na comparação com a unidade usada nas pistas - porém o V6 do Project One, com giro máximo na faixa de 10.000 rpm ou acima, vai exigir retífica a cada 50 mil km, contra cerca de 240 mil em um motor convencional de carros de passeio.

icon photo
Legenda: mercedes-amg project one
Crédito: mercedes-amg project one

O novo esportivo da AMG-Mercedes terá velocidade máxima acima de 350 km/h e apenas 275 unidades serão produzidas, todas já previamente vendidas, por um preço em torno de US$ 2,6 milhões (cerca de R$ 8 milhões na conversão direta). As primeiras unidades serão entregues em 2019 e as últimas, no fim de 2020, com produção totalmente artesanal, com uma unidade por dia, segundo se especula.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors