Logo WM1

O canal de notícias da Webmotors

Limpar buscar

Flagra: Hyundai desenvolve Elantra 100% elétrico

Veja fotos de unidade de testes sem escapamento rodando em lago congelado. Se novidade vier ao Brasil, pagará menos IPI

  1. Home
  2. Segredos
  3. Flagra: Hyundai desenvolve Elantra 100% elétrico
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Lançada no fim de 2016 Brasil, a reestilização do Elantra não tem tido vendas muito expressivas no país - no ano passado, o sedã médio da Hyundai, que é importado, foi o 12º mais vendido da categoria, com 2.158 unidades, atrás até do Toyota Prius (11º, 2.405 emplacamentos) e do Mercedes-Benz Classe C (oitavo, com 3.780 veículos), que são modelos bem mais caros.

icon photo
Legenda: hyundai elantra ev elétrico testes EUA
Crédito: hyundai elantra ev elétrico testes EUA

Por aqui, o Elantra é comercializado sempre com motor 2.0 flex aspirado de até 167 cv de potência e 20,6 kgf.m de torque, com gerenciamento da transmissão automática de seis marchas com opção de trocas manuais. Lá fora, a marca sul-coreana está desenvolvendo uma versão elétrica, com zero emissões de poluentes, do sedã.

A parceria Automedia fotografou uma unidade de testes do Elantra com propulsão elétrica, rodando com dianteira e traseira camufladas, em um lago congelado e rodando sem emitir ruído - indício de que não traz sob o capô o convencional motor de combustão interna.

icon photo
Legenda: hyundai elantra ev elétrico testes EUA
Crédito: hyundai elantra ev elétrico testes EUA

Outro detalhe que permite concluir que se trata de um Elantra elétrico é a ausência de escapamento na traseira. Para completar, o protótipo flagrado pela Automedia trazia rodas idênticas às utilizadas por outros modelos elétricos da marca sul-coreana, como o Ioniq EV.

icon photo
Legenda: hyundai elantra ev elétrico testes EUA
Crédito: hyundai elantra ev elétrico testes EUA

Como a Hyundai não confirma oficialmente o projeto de um Elantra elétrico, também são desconhecidas as especificações dessa versão, como autonomia, potência e aceleração. Se o Elantra EV tiver o mesmo trem de força do Ionic, podemos esperar que o sedã seja capaz de rodar até 200 km com uma carga completa das baterias e render 120 cv de potência e 30 kgf.m de torque, equipado com baterias de 28 kWh de capacidade.

icon photo
Legenda: hyundai elantra ev elétrico testes EUA
Crédito: hyundai elantra ev elétrico testes EUA

Se o Elantra EV futuramente vier ao Brasil, terá carga tributária menor que a cobrada atualmente para modelos elétricos e híbridos, sobre os quais hoje incidem 25% de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). A novo regime automotivo Rota 2030, que será anunciado depois do Carnnaval em substituição ao Inovar-Auto, vai reduzir esse tributo para 7%.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors