O que esperar do novo HB20: Equipamentos e motores

Compacto da Hyundai aposta em itens de segurança inéditos no segmento para tentar fazer a diferença e encostar no Onix

  1. Home
  2. Segredos
  3. O que esperar do novo HB20: Equipamentos e motores
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Você já leu sobre o design do novo HB20, que será lançado no próximo dia 16 de setembro. Agora, é hora de falarmos a respeito de equipamentos e motores. Já sabemos, pelas fotos divulgadas e pela nossa viagem até a Coreia do Sul, onde testamos o carro, de vários itens que estarão no renovado compacto da Hyundai.

OFERTAS WEBMOTORS

icon photo
Legenda: Imagens do interior do novo HB20 revelam as aletas no volante para trocas sequenciais do câmbiot
Crédito: Divulgação

Só pelas fotos oficiais, é possível ver que o compacto terá partida por botão, painel digital e paddle shifts para a troca de marchas. Podemos esperar também por ar-condicionado digital, central multimídia atualizada com Apple CarPlay e Android Auto e o kit básico (vidros, travas e retrovisores elétricos).

Pode ser que, pela primeira vez, o Hyundai chegue às lojas com sensor de estacionamento, uma vez que a linha atual oferece apenas câmera de ré. Não seria estranho se a versão mais

cara contasse com sistema de refrigeração dos bancos, presente no Creta e constantemente elogiado por donos e imprensa.

icon photo
Legenda: Compacto renovado da Hyundai será lançado no dia 16 de setembro
Crédito: Divulgação

Em termos de segurança, o HB20 vai adotar os importantes controles de tração, estabilidade e frenagem (dependendo da versão) - tal qual fez o rival e líder de mercado Chevrolet Onix em sua nova geração. Ainda neste aspecto, o novo HB20 receberá até quatro airbags e, dependendo do pacote, poderá ter sensor de pneus, alerta de saída de faixa e até sistema para evitar colisões frontais (que freia o veículo automaticamente na iminência de uma batida). Vale dizer que muitos destes itens seriam inéditos na categoria.

Turbo e injeção direta

Nas versões de entrada, apenas uma marcha a mais no câmbio manual, passando de cinco para seis, porém, sempre com o motor 1.0 aspirado de três cilindros que entrega 80 cv e 10,2 kgf.m de torque com etanol. No entanto, o 1.6 Gamma sairá de cena.

CATÁLOGO 0km

Em seu lugar, a marca terá um 1.0 de três cilindros turbo. O leitor mais atento vai dizer que o HB20 já contava com esse tipo de motor. De fato, mas desta vez a Hyundai seguirá a receita tecnológica, com injeção direta de combustível para tornar o propulsor mais eficiente. Com isso, esse motor renderá 120 cv e será conectado ao câmbio automático de seis marchas.

icon photo
Legenda: Modelo adotará turbo com injeção direta para motor render 120 cv
Crédito: Divulgação
Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors