Tracker é visto sem camuflagem perto do lançamento

Chevrolet prepara lançamento para a segunda quinzena de março

  1. Home
  2. Segredos
  3. Tracker é visto sem camuflagem perto do lançamento
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Depois de ser confirmado para o mês de março e ser visto sem camuflagem em São Caetano do Sul, o Chevrolet Tracker segue sua rotina pelo Brasil. Agora o modelo foi visto sem qualquer disfarce por nossa equipe em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

O SUV terá faróis mais espichados, grade tipo bocão e molduras nas extremidades dos para-choques para receber as luzes diurnas. Na traseira, lanternas que encostam no vidro e invadem as laterais. Um vinco parte da ponta da lente, acima do para-lama. A traseira remete ao Jeep Cherokee.

O desenho lembra muito o do novo Chevrolet Onix, inclusive o interior. O painel tem o mesmo formato e, aparentemente, os marcadores são os mesmos. Os bancos também aparentam ser inteiriços também.

Os dois veículos, inclusive, compartilham a nova plataforma GEM, desenvolvida em parceria com a chinesa Saic. Além de outros componentes, como motor e câmbio.  A novidade para o Tracker em relação ao hatch é a presença do teto solar.

icon photo
Legenda: Chevrolet Tracker terá teto solar nas versões mais caras
Crédito: Rodrigo Ferreira

O SUV chegará com promessa de maior espaço interno, um dos seus principais defeitos. Além de mais largo e comprido, o entre-eixos vai passar dos atuais 2,55 m para algo próximo dos 2,60 m.

Versões mais baratas

icon photo
Legenda: Chevrolet Tracker de nova geração
Crédito: Rodrigo Ferreira/WM1

Além disso, o Tracker virá em versões mais baratas, uma vez que o preço inicial é R$ 94.890 atualmente. Ele usará somente a nova gama de motores. Isso significa que terá apenas o 1.0 turbo de 116 cv, o mesmo do Onix, e um 1.2, também turbinado, com cerca de 130 cv. O preço da topo de linha será de R$ 113.600.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors