Divergências quanto à produção atrasam novamente as negociações

Novo empecilho impede renovação da frota
  1. Home
  2. Bolso
  3. Divergências quanto à produção atrasam novamente as negociações
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Ainda não é desta vez que as negociações para implantação do Programa de Renovação da Frota de Veículos terão um final feliz. A nova barreira foi imposta pelo secretário de Política Industrial do ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Hélio Mattar.

O secretário alegou “que a produção de 1,19 milhão de veículos é baixa para 2000 e pede níveis mais altos, em torno de 1,35 a 1,4 milhão”. Em contrapartida, o presidente da Anfavea, José Carlos Pinheiro Netto afirmou não estar sabendo desta exigência do governo, mas “prometeu levantar isso dentro da Anfavea , a fim de dar uma resposta rápida, para que as negociações não atrasem”. .

Mattar exige ainda garantias em relação à implementação do bônus de R$ 1.800, querendo certificar-se de que os consumidores comprarão mesmo carros novos ao receber a ajuda. Apesar das exigências, o secretário se diz otimista quanto à conclusão do acordo em um mês.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors