JAC aumenta preço de seus carros elétricos

Reajustes podem chegar a R$ 20 mil. Carro elétrico mais barato do Brasil, iEV 20 salta de R$ 119.900 para R$ 124.900

  1. Home
  2. Bolso
  3. JAC aumenta preço de seus carros elétricos
Fabio Perrotta Junior
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A JAC fez alarde para o lançamento de seus elétricos, em setembro - com ênfase para o modelo zero emissões mais barato do país. Não se passaram nem quatro meses e a marca chinesa já reajusta os preços. Acredite: até carros que foram anunciados, mas que ainda não começaram a ser vendidos, receberam aumento.

O maior reajuste é de R$ 20 mil, no caso do caminhão iEV 1200T. Tido como o elétrico mais barato do Brasil, o iEV 20 ficou R$ 5 mil mais caro do que o valor divulgado durante seu lançamento - agora ele custa R$ 124.900, contra os R$ 119.900 de antes.

JAC iEV40
icon photo
Legenda: iEV40 é o único elétrico comercializado oficialmente pela marca chinesa no Brasil ate o momento
Crédito: Divulgação

Se não houver outro reajuste até o começo de suas entregas, ele continuará sendo o elétrico mais barato do Brasil - a estreia está prevista para o primeiro semestre de 2020.

Único carro por enquanto vendido oficialmente, o iEV 40 ficou R$ 6 mil mais caro, passando de R$ 153.900 para R$ 159.900.

Iev20 em movimento na cor branca é um subcompacto J2 com faróis com luzes diurnas de LEDs e grade pontilhada na frente
icon photo
Legenda: iEV 20 é a porta de entrada para o mundo de carros elétricos da JAC
Crédito: Divulgação

Outro patamar

A JAC aumenta preço também do SUV médio iEV 60. O utilitário teve seu preço anunciado por R$ 198.900. Com o reajuste, passará a ser vendido por R$ 209.900, R$ 11 mil a mais. O começo das vendas também é esperado para o primeiro semestre de 2020.

A iEV 330P, única picape média elétrica do mundo, saltou para impressionantes R$ 244.900. São R$ 15 mil a mais do que no lançamento, quando seu preço era de R$ 229.900.

Por fim, o maior reajuste foi justamente no modelo mais caro: o caminhão iEV 1200T passa a custar R$ 279.900, R$ 20 mil mais caro do que o previsto inicialmente.

icon photo
Legenda: iEV 1200T: o caminhão leve foi o que teve maior aumento: R$ 20 mil de diferença
Crédito: Divulgação

Comentários