Preço do combustível vai subir novamente

O porcentual de aumento ficou em torno de 2,2%.
  1. Home
  2. Bolso
  3. Preço do combustível vai subir novamente
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

-
O ministro de Minas e Energia admitiu ontem dia 18/02 que haverá um aumento no preço dos combustíveis, mas que o porcentual e o dia ainda serão comunicados ao presidente Fernando Henrique Cardoso. “A idéia do presidente não é bloquear o aumento, mas que sejam revistas as contas”, disse o ministro, referindo-se ao episódio da última sexta-feira, quando o presidente suspendeu o aumento de 2,2%, anunciado pela Petrobrás.

O ministro ressaltou que desde 1º de janeiro não existe mais o controle dos preços dos combustíveis pelo governo. “Na realidade, o preço agora é livre e varia de acordo com o preço no mercado internacional e com o valor do dólar em relação ao real”, afirmou. “Isso não deveria passar nem pelo governo”.

Com a liberação do mercado no início deste ano, a Petrobras decidiu reduzir em 25% o preço dos combustíveis para as refinarias, mas que a partir daí houve o aumento do preço no mercado internacional e da cotação do dólar em relação ao real, exigindo um novo reajuste. “Passou a ser uma operação comercial e a Petrobrás vai ter a concorrência de outros operadores”, observou o ministro.

Segundo ele, sempre que houver variação no preço do combustível no mercado internacional e na cotação do dólar haverá reflexo, para mais ou para menos, no preço do mercado interno.

A decisão do presidente foi tomada, segundo uma fonte do Palácio do Planalto, em razão do desconforto causado por um aumento antes de se alcançar a redução média de 20% no preço do combustível, anunciada em dezembro passado.



Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors