Conheça quais são as melhores marcas de pneu

Todo mundo quer escolher as melhores marcas para o seu carro, mas como definir quais são elas? Confira nossas dicas!

  1. Home
  2. Graxa
  3. Conheça quais são as melhores marcas de pneu
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Sem dúvida, eles são um dos grandes responsáveis por fazer nossos carros rodarem em plena normalidade. Por isso, saber onde e quais comprar é fundamental. Para ajudá-lo, o WM1 mostra quais são as melhores marcas de pneu do mercado.

Para descobrir qual é a melhor marca de pneus para carro, levamos em consideração a tradição das empresas, o histórico no mercado, a consulta de especialistas no assunto e, claro, a opinião de motoristas.

Como funciona a nova etiquetagem de pneus

Desde 2018 o Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) exigiu a classificação em todos os pneus vendidos no Brasil. O objetivo é mostrar às pessoas uma nota (de A a G) daquele pneu, igual ao que acontece com geladeiras, fogões, entre outros produtos.

Para avaliar a qualidade dos pneus, o órgão utilizou três critérios: resistência ao rolamento, aderência ao molhado e ruído externo. A durabilidade dos pneus, um dos requisitos mais procurados pelos compradores, não entrou na avaliação do Inmetro.

De modo geral, as classificações são bem semelhantes quando comparamos pneus da mesma categoria. Ou seja, ao optar pelas opções das marcas mais tradicionais, você não irá encontrar nenhuma diferença significativa entre eles.

Veja quais são as melhores marcas de pneus

Agora que você já sabe como funciona a etiquetagem, conheça as cinco marcas tradicionais, aquelas consideradas as melhores marcas de pneus entre especialistas e o público:

  • Bridgestone
  • Michelin
  • Pirelli
  • Goodyear
  • Continental
  • Você conhece as submarcas das marcas tradicionais?

    Se transformar em uma grife traz vantagens e desvantagens, em todos os mercados — e com a indústria de pneus não seria diferente. Marcas tradicionais, como Michelin, Bridgestone, Continental, Pirelli e Goodyear são consideradas referências mundiais em seu segmento, portanto, oferecem produtos mais valorizados.

    icon photo
    Legenda: Fique atento às especificações do pneu e compare as marcas de sua preferência
    Crédito: iStock

    Mas não são todos que podem chegar em uma loja e comprar, sem pesar no bolso, um conjunto de pneus dessas marcas para o seu veículo. Por isso, elas seguem uma estratégia semelhante: criar submarcas para ofertar produtos mais baratos e segmentar o seu nicho de vendas.

    Todas as marcas citadas acima competem entre elas, mas não apenas dentro das lojas de pneus. O investimento em campanhas, em comerciais para TV, anúncios, publicidade… tudo isso gera um investimento que transformam elas em grife. A partir daí, surgem essas submarcas chamadas de “segunda linha”.

    Além do nome desconhecido na praça e a falta de investimento em marketing, essas opções de custo inferior costumam não se valer das mesmas tecnologias ou todas as qualidades que as marcas de primeira linha oferecem.

    Não significa que elas são ruins, mas, propositalmente, são inferiores. Cabe ao cliente, consumidor final, escolher o investimento que mais lhe convém para o seu momento atual. Além disso, não basta comprar o melhor pneu da praça se não são feitos os cuidados necessários para aumentar sua durabilidade.

    Como aumentar a durabilidade do pneu?

    Essa é a dúvida da maioria das pessoas: quanto tempo dura um pneu? De forma bem resumida, é possível aumentar a durabilidade dos pneus quando realizamos todas as manutenções indicadas. Para ajudá-lo, pegamos algumas dicas com especialistas no assunto.

    A cada 10.000 quilômetros rodados é necessário realizar o rodízio, alinhamento e balanceamento. Isso porque, atualmente, a maioria dos carros usa tração dianteira. Desta forma, o desgaste nos pneus da frente é maior.

    Caso o rodízio não seja feito após esse período, a tendência é que, com 20.000 quilômetros, eles estejam desgastados. Com isso, você precisará comprar novos pneus — e não mais realizar o rodízio.

    Agora, quando o rodízio é feito a cada 10.000 quilômetros a expectativa de durabilidade do pneu é de até 40.000 quilômetros. Mas o rodízio não é o único fator determinante para garantir uma maior durabilidade dos pneus.

    De acordo com especialistas, a maneira de dirigir está diretamente ligada ao tempo de vida útil dos pneus. Alguns motivos que desgastam as borrachas com maior velocidade são: arrancadas e frenagens bruscas, entrada em curva muito forte, entre outros fatores.

    Como escolher uma marca de pneu?

    Você pode escolher a marca de pneu para o seu carro levando em consideração diversos fatores. Atualmente, o mais comum é os motoristas, após uma boa experiência, manterem a marca que saiu de fábrica com o veículo.

    icon photo
    Legenda: Evitar frenagens e acelerações bruscas ajuda na maior durabilidade da borracha
    Crédito: Divulgação

    Porém, dependendo do seu poder aquisitivo, é possível recorrer às submarcas ou aos pneus importados. No fim das contas, o mais importante é encontrar um pneu de boa qualidade, levar em consideração a classificação do Inmetro, realizar todas as manutenções necessárias e, claro, dirigir de maneira correta.

    Veja outras informações importantes aqui no WM1!

    Depois de saber quais são as melhores marcas de pneu do mercado, continue acompanhando outras notícias no WM1. Aqui você fica por dentro das principais informações sobre o mundo automotivo.

    Já para encontrar as melhores opções de carros novos, seminovos e usados, você pode acessar o portal da Webmotors e procurar o modelo que mais combina com você. Com a gente a negociação entre comprador e vendedor acontece de forma 100% segura.

    Vídeo: pneus que custam mais que um carro

     

    Comentários

    Ofertas Relacionadas

    logo Webmotors