Honda revela facelift do Civic 2015

Sedã ganha visual mais esportivo; alteração, inicialmente, é para a versão LXR
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Honda revela facelift do Civic 2015
Marcelo Monegato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


­Como fazer um facelift relevante, que consiga realmente mudar a fisionomia de um modelo? Um bom começo é conversar com a equipe de design da Honda, que com poucas (pouquíssimas) alterações conseguiu incorporar à linha 2015 do Civic um pouco de esportividade ao conservadorismo incômodo de sua 9ª geração.

Inicialmente, no entanto, esta novidade meramente estética – que explicaremos mais adiante – limita-se à versão intermediária LXR, que representa aproximadamente 60% das vendas do sedã. A opção de entrada LXS continua com o visual atual, enquanto a topo de linha EXR receberá mesma ‘cara’ da LXR somente no Salão do Automóvel de São Paulo, que acontece entre os dias 30 de outubro e 9 de novembro no Pavilhão de Exposições do Anhembi.

Com está modificação, que não englobaram a introdução de itens de série ou alterações no conjunto mecânico (permanecem o motor 2.0 bicombustível e a transmissão automática de cinco marchas), a configuração terá reajuste no preço, passando dos atuais R$ 74.490 para R$ 74.900 (aumento de R$ 410).

A EXR, por sua vez, não deverá ter incremento no preço, mesmo ganhando mais recheio. Destaque para o novo sistema de entretenimento com possibilidade de interação com smartphone, e tela de LCD maior sensível ao toque.

MUDANÇAS

 Por fora, além das novas rodas de liga leve de 17 polegadas com pneus de perfil mais fino – antes as os ‘calçados’ eram aro 16 -, o Honda Civic LXR 2015 ganhou nova grade frontal, com cromado deixando a parte superior para contornar toda a base inferior. Os filetes horizontais agora assumem estilo colmeia. O para-choque, que não foi redesenhado, tem novo desenho dos faróis de neblina e ganha discreto friso cromado na porção central.

Com tais alterações simples, o capô, que também é o mesmo, ganhou destaque, já que os vincos ficaram mais marcantes.

As laterais e a traseira continuam iguais, sem qualquer tipo de novidade, assim como as dimensões do sedã.

Por dentro, os três tons de cinza que trabalhavam em degrade no painel central (claro na base, médio no centro e escuro na parte superior), agora atuam apenas com duas cores: cinza na base e preto nas regiões central e superior. O teto, que poderia também assumir cor preta elevando ainda mais a esportividade, permanece em tom mais claro.

Por fim, o volante multifuncional ganhou aros cromados no contorno dos comandos do controle de cruzeiro (limitador de velocidade) e do sistema de áudio.

RODANDO

Sem novidades mecânicas, o Civic LXR 2015 continua agradável ao volante. O motor 2.0 16V FlexOne (sem tanquinho de partida) de até 155 cv de potência a 6.300 rpm e torque de 19,5 kgf.m a 4.800 giros, quando abastecido com etanol, entrega boas saídas e retomadas. Também agrada o linear funcionamento da transmissão automática de cinco marchas.

Com as novas rodas de liga leve de 17 polegadas e pneus com perfil mais baixo, o LXR ficou com uma direção mais direta, que é possível sentir somente em velocidade mais elevadas, durante uma tocada mais esportiva. No dia a dia, este comportamento é imperceptíveis. E mesmo por conta desta novidade, a suspensão não foi recalibrada, já que, dentro da percepção da Honda, a qualidade da mesma não foi alterada.

LXS

Com a mesma cara, a novidade da opção de entrada LXS está no motor 1.8, que passa a contar com sistema FlexOne, eliminando a necessidade de um tanquinho de gasolina junto ao motor para facilitar a ignição. Por isso, mais novidade internas pontuais como as do LXR, o preço não passará por alterações, permanecendo em R$ 65.890 (configuração com câmbio manual de seis marchas) e R$ 68.890 (automática com cinco velocidades).

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors