Nova Fiat Strada chega em abril: o que esperar?

Picape mais vendida do país há quase 20 anos, modelo ganhará nova geração, motor moderno e opção quatro portas

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Nova Fiat Strada chega em abril: o que esperar?
Fernando Miragaya
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A contagem regressiva para o lançamento da nova Fiat Strada já começou. A segunda geração da picape líder de vendas no país chega em abril mais moderna em vários aspectos. Desenho, motor, equipamentos e plataforma prometem ajudar a manter o modelo no primeiro lugar entre os comerciais leves.

Vai ser uma mini-Toro?

Teaser mostra a nova Strada de perfil com faróis finos que invadem laterais e muitos vincos na carroceria
icon photo
Legenda: No teaser da nova Fiat Strada fica evidente a influência de design da Toro na parte traseira
Crédito: Divulgação

Mais ou menos. A própria marca italiana nem se segurou muito. Depois de muitos flagras e de foto vazada durante a gravação de um comercial, o fabricante resolveu soltar a primeira imagem oficial de fato da nova Fiat Strada.

Na frente, a renovada picape não usará as seções separada como na Toro. O conjunto ótico lembra o do hatch Argo e o do sedã Cronos, com cortes irregulares e que se espicham pelas laterais. A grade tem barras horizontais e extremidades que foram um desenho que lembras lábios.

A traseira, sim, promete muitas semelhanças com a irmã maior. Vista de perfil - como no teaser oficial -, as lanternas têm pontas que invadem a carroceria e a superfície é dominada por saliências, vínculos e músculos.

Vai ter motor novo?

Finalmente a Strada terá conjunto mecânico renovado. Usará os motores 1.3 Firefly já usados em versões do Uno, Argo e Cronos. Com três cilindros e seis válvulas, deve manter a potência de 109/101 cv.

A maior expectativa é para o novo motor turbo da Fiat. Fontes dizem que a engenharia corre contra o tempo para desenvolve este mesmo 1.0 só que turbinado, com 12 válvulas e injeção direta.

O propulsor vai render aproximadamente 120 cv nas configurações mais caras da Strada, que poderiam chegar só no fim do ano. Com isso, o beberrão 1.8 E.torQ sai de cena.

Vai manter a cabine dupla?

Não só vai, como esta configuração terá a inédita quarta porta, para manter a nova Fiat Strada com seu caráter de pioneira no segmento - foi a primeira compacta a ter versão aventureira, a ter cabine estendida, depois dupla, a ter terceira porta e a ter bloqueio do diferencial.

Nova Fiat Strada camuflada
icon photo
Legenda: Um dos flagras da nova Fiat Strada mostra a configuração cabine dupla
Crédito: Marco Aurélio/Reprodução

Além da dupla com quatro portas e espaço para três passageiros atrás - a picape aumentará no comprimento e na largura -, esta segunda geração também manterá as configurações cabine simples e estendida.

E a capacidade?

A Fiat quer deixar a Strada mais confortável e maior, sem comprometer sua versatilidade. As derivações cabine simples terão caçamba com volume para entre 1.200 e 1.300 litros, além de capacidade de carga maior do que os 700 kg da atual geração.

icon photo
Legenda: Nova Fiat Strada em mais um flagra: picape manterá níveis de capacidade da caçamba
Crédito: Reprodução/Instagram/Antonio Bariano

Na estendida, a caçamba receberá entre 900 e 1.000 litros e a capacidade de carga parecida com a da cabine simples. Já a dupla ficará por volta dos 700 litros e carga útil inferior a 700 kg.

Vai ter versão Adventure?

A derivação aventureira, responsável por boa parte das vendas da Strada, só mudará de nome. Sai a Adventure e entra a Trekking, seguindo a denominação que a Fiat ressuscitou para seus pseudo off-road - o nome voltou no Argo.

Mas a receita de bolo será a mesma. A Strada Trekking terá pneus de uso misto, suspensão elevada e reforçada e diversos apliques jipeiros, como molduras nos para-lamas e nos para-choques, rodas diferenciadas e faróis de longo alcance.

Vai ficar muito mais cara?

A nova Fiat Strada deve começar no famoso “a partir de R$ 69.990”. O preço da versão mais cara, contudo, deve beirar os R$ 89 mil.

Vai ter mais equipamento?

Sim, o modelo ganhará controles de estabilidade e tração - conforme a nova legislação determina. Deve receber a central multimídia com tela de 7" já disponível em outras linhas Fiat. Outro item esperado é o assistente à partida em rampas.

A velha Strada vai sumir?

Claro que não - pelo menos, por enquanto -, pois a picape correria o risco de perder a liderança - até por uma questão de preços. Só que a atual Strada sobreviverá apenas nas versões Working e Hard Working e em configurações cabine simples.

icon photo
Legenda: Atual geração da picape continuará em produção nas versões Working e Hard Working (da foto)
Crédito: Divulgação

O motor continuará sendo o velho 1.4 Fire. Só que a Strada veterana só fará a transição para a segunda geração até 2022. Neste ano, a picape encerrará a produção de - então - 24 anos devido à exigência de controle de estabilidade para todos os modelos produzidos no país.

A Strada atualmente é vendida em sete versões. Os preços ficam entre R$ 54.990 e R$ 83.690.

Comentários