Chevrolet Camaro: 10 anos de Brasil e 54 de vida

Um dos mais tradicionais muscle cars da General Motors completou uma década de vendas por aqui em novembro

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Chevrolet Camaro: 10 anos de Brasil e 54 de vida
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

O Chevrolet Camaro foi nada menos que o primeiro muscle car desses de última geração (após os anos 2000) a chegar oficialmente ao Brasil. O evento de lançamento - em que este que vos escreve esteve presente - aconteceu em São Paulo, em novembro de 2010. Com uma década de vida, o esportivo já emplacou mais de 6 mil unidades e só foi ganhar um rival em 2018 (quando o Mustang passou a vir pelas mãos da Ford). Por ora, são os únicos muscle cars à venda país.

Muscle Culture

"Muscle Culture" é a coluna de André Deliberato (@andredeliberato no Twitter e no Instagram) no WM1, portal de notícias da Webmotors, que traz curiosidades e informações sobre uma das mais tradicionais filosofias norte-americanas dos anos 1960 e 1970.

    Camaro veio para o Brasil um ano após ser relançado

    Tudo começou em 2009, quando a Chevrolet trouxe o Camaro de volta à vida nos Estados Unidos com sua quinta geração. Ela chegou ao Brasil no ano seguinte, novembro de 2010 conforme mencionado, importada oficialmente pela GM, mas somente na versão SS, equipada com um motor V8 6.2 de 406 cv e 56,7 kgf.m de torque e câmbio automático de seis marchas, além da tração traseira, obviamente. O preço? R$ 185 mil.

    Foi um sucesso. A dupla sertaneja Munhoz e Mariano chegou até a explodir com uma música com o nome do carro, que também bombou nas redes sociais da época (Orkut, MSN etc. e os primórdios do Facebook no Brasil), chamada "Camaro Amarelo". Virou hit, mas a GM não curtiu. Segundo marketeiros da marca à época, o Camaro não era carro popular e não deveria ser associado a essa "fama" - mas a montadora nunca admitiu isso publicamente.

    Quer a prova? Em 2014, a reestilização da quinta geração do muscle car - que também passaria a oferecer a configuração conversível do modelo - foi lançada por aqui conveniada ao último show da banda Black Sabbath no Brasil (evento no qual este escriba também esteve presente)... E deixou de oferecer a cor amarela. O motor era o mesmo V8, mas o carro ganhava central multimídia MyLink.

    Chevrolet Camaro amarelo
    Esportivo da Chevrolet ficou famoso no Brasil com o hit "Camaro Amarelo", de Munhoz e Mariano
    Crédito: Divulgação

    Nova geração em 2016

    Em 2016 o Camaro passaria por uma profunda reformulação. Com plataforma de Cadillac e motor de Corvette, ele mudou consideravelmente em termos dinâmicos, aproximando-se até mesmo de alguns veículos europeus mais esportivos, mas sem perder a essência de um legítimo muscle car.

    Apesar de ter motores menores lá fora, como um V6 e até um quatro-cilindros 2.0 turbo, o Camaro continuou a ser vendido no Brasil com um V8 6.2 (vindo do Corvette C7), que agora entregava 461 cv e 62,9 kgf.m de torque combinados a um totalmente novo câmbio automático, com oito marchas.

    Depois disso, mais duas mudanças. A primeira em 2018, quando o carro adotou novo visual dianteiro e estreou uma transmissão automática de dez marchas - feita, olha só, em parceria com a Ford, que também move o Mustang (que havia estreado oficialmente por aqui naquele mesmo ano) - e itens como controle de largada, marcadores de tempo em pista e até de aquecimento dos pneus traseiros.

    A segunda aconteceu em outubro deste ano em resposta às críticas sobre a mudança no design feita 2018. Entre os equipamentos, o muscle car passou a oferecer a solicitada conexão 4G via Wi-Fi, como a maioria dos carros da GM faz atualmente. O preço de hoje? R$ 377.900 (cupê), praticamente o dobro do que os R$ 185 mil cobrados dez anos atrás.

    Com isso, a história deste maravilhoso muscle car que fez 10 anos no Brasil e tem 54 de vida (ele é de 1966, embora o modelo fosse 1967) chega a mais um marco. No total, segundo a GM, já são mais de cinco milhões de proprietários ao redor do mundo. Cinco milhões de pessoas felizes.

    chevrolet camaro 2021
    Camaro é legítimo muscle car: engolidor de asfalto e estradas, vai bem em curvas e principalmente em arrancadas
    Crédito: Divulgação

    Comentários