Ford Territory custa R$ 166 mil de olho no Compass

Novo SUV médio usa motor 1.5 turbo e aposta em pacote de tecnologias para fazer frente a rivais bem consolidados

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Ford Territory custa R$ 166 mil de olho no Compass
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Em 2018, o Ford Territory deu as caras no Brasil apenas como visitante, durante o Salão do Automóvel de São Paulo. Agora, ele chega para ficar: o utilitário esportivo que está posicionado entre o EcoSport e o Edge foi lançado hoje no Brasil. Ele virá em apenas duas versões (SEL de R$ 165.900 e Titanium, de R$ 187.900). O objetivo é bem claro: rivalizar com Jeep Compass e Volkswagen Tiguan AllSpace.

E o WM1 já testou o Ford Territory. Para saber como ele anda, assista ao vídeo abaixo. Daqui a pouco você também terá o teste completo aqui no canal de notícias da Webmotors!

Motor e câmbio

Desenvolvido na China, o Ford Territory chegará com apenas uma opção de motorização - por sinal, bem diferente das dos rivais. O motor 1.5 turbo rende 150 cv de potência máxima e 22,9 kgf.m de torque e é sempre aliado a uma transmissão do tipo CVT, que simula oito velocidades.

Ford Territory 40
Ford Territory chega da China para brigar no disputado segmento de SUVs médios
Crédito: Divulgação

Segundo a Ford, esse conjunto rende ao SUV aceleração ligeiramente mais lenta que seus principais rivais: 11,8 segundos para chegar aos 100 km/h. Com objetivo de ser 100% urbano, o Territory não tem opção de tração integral. Já o consumo de combustível fica na casa dos 9,2 km/l na cidade e 10 km/l na estrada.

Tamanho e porta-malas

Já no espaço, o Territory promete não deixar a desejar. Além dos 4,58 metros de comprimento, ele tem bons 2,71 metros de entre-eixos. Porém, o porta-malas não é dos maiores: são apenas 348 litros de capacidade. Com os bancos traseiros rebatidos, o volume passa para 693 litros. Apesar do grande porte, e diferentemente do Tiguan AllSpace, o Territory não tem versão para 7 passageiros.

Ford Territory 58
Central multimídia de 10 polegadas e quadro configurável prometem ser as sensações do Ford Territory
Crédito: Divulgação

Tecnologia

Com estes predicados, dá para dizer que a Ford aposta no pacote de tecnologias para convencer os consumidores a levar o novo modelo para casa. De série, todas as versões chegam com seis airbags, faróis e luzes de condução diurnas de LED, faróis de neblina, teto solar panorâmico elétrico, ar-condicionado (sempre digital porém com apenas 1 zona) e central multimídia de 10,1 polegadas.

Com essa tela, o Territory passa a ser o primeiro carro da montadora a oferecer o sistema Apple CarPlay sem a necessidade de conectar o cabo USB para acessar as funções do iPhone - apenas o Bluetooth basta. Há, também, Android Auto, mas, neste caso, é preciso cabear o USB.

Já a versão topo de linha tem os principais diferenciais quando o assunto é tecnologia. Isso porque ela ganha quadro de instrumentos digital de 10 polegadas (resolução 1920 x 720 HD), sistema park assist, câmeras 360 graus, carregamento do celular por indução, banco do motorista com ajustes elétricos, além de aquecimento e resfriamento dos dois bancos dianteiros.

Ford Territory 16
Ford Territory tem bom entre-eixos e só será vendido aqui com opção de tração dianteira
Crédito: Divulgação

A cereja do bolo fica com o pacote de recursos de assistência ao motorista, que também é de série na Titanium. Ele inclui monitoramento de ponto cego, alerta de mudança involuntária de faixa, sistema de frenagem de emergência e sistema ACC com Stop & Go.

Também são diferenciais do Territory topo de linha o teto pintado de preto, o revestimento de couro na cabine e as rodas de liga leve com aros de 18 polegadas (na versão de entrada, elas têm 17").

Central multimídia Sync

A central multimídia de 10,1 polegadas permite ao motorista fazer os ajustes do sistema de som, acessar as configurações do carro, utilizar o Apple CarPlay ou Android Auto e regular o sistema de ar-condicionado.

Porta-malas de 348 litros não chega a ser dos maiores do segmento
Crédito: Divulgação

Para ajustar a tela a cada um desses diferentes usos, o motorista pode utilizar um recurso inédito na categoria. Trata-se de uma divisão da tela em quatro quadrantes. Isso permite aos passageiros ver quatro telas de uma só vez. Porém, também é possível aumentar uma das telas. As outras três, por sua vez, diminuem e têm as funções adaptadas para o novo tamanho de exibição.

FordPass Connect

O Territory também será o primeiro modelo da Ford brasileira a oferecer um recurso de conectividade do carro com o celular do motorista. Para isso, é preciso instalar o app FordPass Connect, que será gratuito no primeiro ano de uso.

Pelo aplicativo, é possível ligar o motor e o ar-condicionado remotamente, conferir a localização onde o carro foi estacionado, ser alertado caso o alarme seja acionado, checar o nível de combustível e pressão dos pneus, além de agendar uma revisão. Porém, a Ford ainda não definiu o valor que cobrará por esse serviço a partir do segundo ano de uso do SUV.

Revisões

O custo das três primeiras promete ser um pouco mais barato neste modelo em relação aos principais concorrentes. Segundo a Ford, a primeira irá custar R$ 559, a segunda sairá por R$ 469 e a terceira será tabelada em R$ 355. Assim, o total das 3 primeiras revisões fica em R$ 1.383.

SUV médio vem com aplicativo que permite acionar o motor remotamente
Crédito: Divulgação

O Territory será vendido em seis opções de cores, todas sem custos adicionais: vermelho Vermont, preto Toronto, azul Santorini, marrom Roma e prata Maiorca, além do branco das fotos.

Blindagem

A Ford oferece para os clientes do Territory a opção de blindagem pela empresa Leandrini Blindagens. A promessa é de uma proteção nível 3-A com vidros AGP B33, que manterá a garantia de três anos do SUV. Além disso, são anos de garantia para o material utilizado na blindagem. Por fim, será possível incluir o valor da proteção extra nas parcelas do financiamento do SUV.

Pré-venda

Os primeiros 250 interessados a fechar a compra do novo Territory entre 7 e 31 de agosto ganharão as três primeiras revisões grátis, um ano de seguro e receberão o carro em casa, entregue pela Ford.

Veja as versões e equipamentos do Ford Territory

SEL - R$ 165.900

  • Itens de série: ar-condicionado automático digital, saídas de ar na segunda fileira de bancos, rodas de liga-leve de 17 polegadas, conectividade com o app FordPass Connect, central multimídia sensível ao toque com tela de 10,1 polegadas, Apple CarPlay sem fio, Android Auto, seis alto-falantes, faróis de LED, luzes de condução diurna de LED, faróis de neblina dianteiros, teto solar panorâmico elétrico, seis airbags, Isofix, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, monitoramento de pressão dos pneus, sensores de ré, câmera de ré, controle de velocidade de cruzeiro, chave presencial e volante multifuncional.
  • Titanium - R$ 187.900

    • Itens de série: adiciona rodas de liga-leve de 18 polegadas, bancos dianteiros com aquecimento e resfriamento, ajustes elétricos do banco do motorista, bancos parcialmente revestidos de couro bege, luzes de ambiente com sete tons, sistema de monitoramento de ponto cego, sistema de aviso de mudança de faixa, câmera 360 graus, quadro de instrumentos digital com tela de 10 polegadas, controle adaptativo de velocidade de cruzeiro com Stop & Go, sensores de estacionamento dianteiros, park assist, carregamento de celular por indução, oito alto-falantes, sistema de alerta de colisão, sistema de frenagem automática de emergência, acendimento automático dos faróis e sensor de chuva.
    • por Guilherme Blanco Muniz

      Ford Territory já está em pré-venda com promoção de três revisões e seguro gratuito
      Crédito: Divulgação
      Comentários