Mitsubishi encerra produção do Lancer no Brasil

Com o adeus do veterano sedã médio, marca japonesa passa a oferecer somente SUVs e a picape L200 no país

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Mitsubishi encerra produção do Lancer no Brasil
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A última notícia a respeito de alguma mudança no Mitsubishi Lancer foi no começo de 2018. O modelo era oferecido em duas versões, com preços competitivos. A ideia era fazer frente no segmento de sedãs médios apostando no custo-benefício. A estratégia pode até ter funcionado por um tempo, mas agora a história do sedã chega ao fim.

A Mitsubishi confirmou o fim da produção do modelo no Brasil no fim de 2019 e resalta que apenas as unidades em estoque nas concessionárias estão disponíveis. Sendo assim, a marca japonesa passa a oferecer só SUVs e a picape L200 no mercado. Vale lembrar que o Eclipse Cross começou a ser fabricado em Catalão recentemente.

icon photo
Legenda: Mitsubishi encerra produção do Lancer no Brasil após quase cinco anos de fabricação em Goiás
Crédito: Divulgação/Mitsubishi

O modelo chega ao fim tendo vendido apenas 1.353 unidades em 2019. Em dezembro, registrou apenas 16 unidades emplacadas.

Começou importado

A atual geração foi lançada em 2007 e chegou por aqui em 2011, como linha 2012 e importado do Japão. A partir de 2014 passou a ser feito na fábrica goiana. Desde 2017 a marca encerrou a produção do Lancer em outros mercados.

Nos seus últimos momentos de vida, era vendido por aqui sempre com motor 2.0 16V de quatro cilindros com rendimento de 160 cv de potência e 20 kgf.m de torque máximo. O câmbio automático era do tipo CVT.

Assista ao vídeo com o Lancer Evo

 

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors