Novo Tracker já roda no Brasil sem disfarces

Futura geração do SUV da Chevrolet será lançada no primeiro trimestre de 2020 e é flagrada com pouca camuflagem

  1. Home
  2. Segredos
  3. Novo Tracker já roda no Brasil sem disfarces
Fernando Miragaya
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A General Motors já não tem mais nada a esconder em relação ao novo Tracker. Depois de flagrada diversas vezes camuflada, a nova geração do SUV compacto aparece em testes com pouquíssimo disfarce. O registro foi feito em Salvador por Hugo Rocha, do perfil @hugorochael no Instagram.

Flagra do novo Tracker branco de traseira com a logomarca da Chevrolet coberta e adesivos amarelos sobre as placas com o nome e versão do carro
icon photo
Legenda: Novo Tracker já roda apenas com cobertura sobre a logomarca e o nome do carro
Crédito: Reprodução

O novo Tracker já roda com placa verde e discretos disfarces. Os dois exemplares flagrados na capital baiana que você vê nas fotos tinham coberturas na parte do emblema da gravatinha da Chevrolet e sobre o nome e versão do modelo.

O modelo  já começou a ser fabricado em São Caetano do Sul (SP) e será lançado no primeiros meses de 2020. O Tracker brasileiro é basicamente igual ao lançado na China este ano.

Chevrolet Tracker cinza flagrado com faróis mais alongados e uma cobertira amarela na grade para esconder o emblema da gravatinha da marca americana
icon photo
Legenda: Modelo é basicamente igual ao SUV que estreou na China em 2019. Lançamento é no início de 2020
Crédito: Reprodução

Jeitão chinês

O SUV terá faróis mais espichados, grade tipo bocão e molduras nas extremidades dos para-choques para receber as luzes diurnas. Na traseira, lanternas que encostam no vidro e invadem as laterais. Um vinco parte da ponta da lente, acima do para-lama.

O desenho lembra muito o do novo Chevrolet Onix. Os dois veículos, inclusive, compartilham a nova plataforma GEM, desenvolvida em parceria com a chinesa Saic.

icon photo
Legenda: A traseira do novo Tracker que já roda no Brasil é cheia de vincos e as lanternas invadem as laterais
Crédito: Reprodução

O SUV chegará com promessa de maior espaço interno, um dos seus principais defeitos. Além de mais largo e comprido, o entre-eixos vai passar dos atuais 2,55 m para algo próximo dos 2,60 m.

Mais barato

Além disso, o renovado SUV virá em versões mais baratas, por volta de R$ 85 mil - hoje é comercializado em três variantes com preço inicial de R$ 94.890. Além do motor turbo atual 1.4 de 153/150 cv deve receber o 1.2 do Onix vendido na Argentina, só que turbinado e com até 130 cv.

icon photo
Legenda: Novo Tracker usa a mesma plataforma da segunda geração do Onix e vai crescer no entre-eixos
Crédito: Reprodução

 

Comentários