Corvette pode ser proibido na Coreia do Sul

Volume do ronco do motor do Chevrolet desrespeita a legislação do país asiático
  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Corvette pode ser proibido na Coreia do Sul
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


Esta é nova. O novo Chevrolet Corvette Stingray pode ser proibido de ser vendido na Coreia do Sul. Sabe o motivo? O barulho ‘elevado’ do seu motor 6.2 V8 de 461 cv de potência máxima, que faz o ‘bólido’ da marca norte-americana acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 3,8 segundos.

De acordo com o CEO da Chevrolet, Sérgio Rocha, no país asiático, o volume de propulsor desrespeita a legislação local e por isso as vendas estão inicialmente suspensas por período indeterminado. “Embora esta postura reguladora beneficie a indústria a curto prazo, me pergunto se tal medida deve ser praticada por um longo período”, disse.

A Chevrolet até poderia pensar em fazer um Corvette Stingray mais silencioso – e sem graça, consequentemente (convenhamos) -, mas diante do baixo número de vendas do modelo em solo sul-coreano (12 por ano, em média), o mais provável é que nada seja feito.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors