Preparada para dirigir na gravidez?

Veja as alterações que podem comprometer sua segurança

  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Preparada para dirigir na gravidez?
Adriana Bernardino
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

IMAGE

Mulheres não são todas iguais, especialmente quando vivenciam um período delicado como a gravidez. Cada gestação é única e pode influenciar de diferentes maneiras (veja infográfico abaixo) o comportamento da motorista.


A publicitária Márcia Silva parou de dirigir aos seis meses de gestação, depois de trocar o pedal do freio pelo do acelerador. “Bati de leve no carro da frente, mas foi suficiente para entender que minha atenção já não era mais a mesma”, conta. A distração também motivou a executiva Andréia Campos a evitar o volante. “Ao tentar entrar com o carro numa garagem, bati duas vezes seguidas no muro”, relata. Já as analistas Adriana Macedo e Rita Andrade contam ter dirigido até o último dia de gravidez sem passar por inconvenientes. “Só não fui guiando até a maternidade porque meu marido estava em casa quando minha bolsa estourou”, brinca Macedo.


Devido à diversidade de reações, o Código Brasileiro de Trânsito – que antes recomendava a direção apenas até o quinto mês de gestação – hoje deixa a responsabilidade nas mãos do médico e da motorista. Mas o assunto é polêmico.




.



A maioria dos obstetras concorda que o volante está proibido apenas para aquelas que passam por uma gravidez de risco. Já para o médico e diretor do Departamento de Medicina do Tráfego Ocupacional, Dirceu Rodrigues Alves, “a mulher e a criança estão sujeitas a uma série de perigos ocasionados tanto por alterações físicas quanto por eventos externos”. Além das mudanças físicas e emocionais, fatores como ruídos, aceleração e desaceleração do carro, trepidações, má utilização do cinto de segurança e do airbag são alguns dos vilões que, na opinião do especialista, ameaçam a segurança da gestante e do bebê.


Para ajudá-la a tomar a decisão certa, veja no vídeo abaixo as principais mudanças que podem mexer com você, os riscos mais comuns e as principais recomendações para não arriscar sua segurança e a de seu filho.




Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors